Millenium / Artigos e reportagens de games /

Relembre casos de streamers que foram banidos ao vivo na Twitch

Relembre casos de streamers que foram banidos ao vivo na Twitch
0

A plataforma é uma das mais famosas do mundo quando o assunto são lives. Nesta lista você confere momentos em que influenciadores e jogadores acabaram levando punições ao vivo

A Twitch é uma das plataformas de transmissão ao vivo mais famosas do mundo. Opção de muitos influenciadores para fazer streams, a Twitch também já foi palco de banimentos por diversos motivos, desde descumprimento das regras do site até utilização de hacks em jogos como Valorant e PlayUnknown's Battlegrounds (PUBG). Relembre abaixo o caso de cinco streamers que foram banidos ao vivo na Twitch.

Ninja - Apex Legends

Em 15 de dezembro de 2019, o famoso streamer Tyler "Ninja" Blevins foi pego de surpresa ao ser banido do battle royale Apex Legends durante uma transmissão ao vivo na Twitch.

Ninja estava jogando com um amigo, prestes a entrar em uma partida de Apex, quando ele fechou o sorriso e olhou para a câmera incrédulo ao perceber que havia sido banido do game da Respawn Entertainment.

Depois de entrar em contato com a desenvolvedora para entender o motivo do ban, a Respawn pediu para que Ninja checasse suas mensagens nas redes sociais, mas a verdadeira razão por trás do banimento nunca foi revelada, deixando a comunidade na eterna dúvida do que ocasionou na punição do streamer.

Vesprine - PUBG

Banimentos de trapaceiros são levados muito à sério na comunidade de PUBG. Em novembro de 2020, os jogadores do battle royale se uniram para denunciar um caso recorrente de cheater.

Aparentemente, o jogador Vesprine já era bastante conhecido na comunidade por ter sido banido em outras ocasiões - e ainda pior, mesmo banido ele comprava o battle royale novamente para continuar atrapalhando os jogos de outros jogadores.

Durante uma de suas transmissões, diversos jogadores criaram clipes que provavam o uso de cheat pelo player e o denunciaram para a equipe de desenvolvimento do game. No fim das contas, Vesprine foi banido por Hawkinz, um dos gerentes de comunidade do PUBG, que até deixou um recado no chat do hacker: "Já vai tarde, perdedor!".

Solista_TV - Valorant

Conhecido por ter ocupado o Top 65 melhores jogadores de Valorant no servidor norte-americano, o streamer Solista_TV foi pego pelo sistema de trapaças do game, Vanguard, em 14 de abril de 2021.

O influenciador estava jogando tranquilamente uma partida no mapa Split, quando a disputa foi interrompida porque o Vanguard encontrou uma infração no jogo. Solista ficou chocado ao ser descoberto ao vivo.

Aparentemente, ele utilizada um hack chamado triggerbot, que dispara a arma automaticamente quando a mira está colocada nos adversários, ou seja, eliminando qualquer tempo de reação e fazendo com que ele ganhasse praticamente todas as trocas de tiro em Valorant.

YoDa

Millenium

Felipe "YoDa" Noronha, ex pro player de League of Legends e streamer, foi banido ao vivo da Twitch em 5 de novembro de 2020. Aquela foi a terceira vez no ano que YoDa foi banido da plataforma. O streamer estava encerrando uma de suas transmissões ao vivo quando a live caiu e o canal do influenciador ficou indisponível. 

Na ocasião, YoDa afirmou que, como região, o Brasil estava sozinho em relação a receber apoio da Twitch. Diversos fãs e influenciadores cobraram mais transparência da plataforma em suas decisões, não só relacionadas aos banimentos, mas também ao fato de a Twitch não se comunicar com seus próprios criadores.

Eventualmente o banimento foi revertido, mas gerou bastante comoção na época.

Zenon - Fortnite

Millenium

Vitor Hugo "Zenon" da Fonseca tem apenas 10 anos de idade, mas também já foi banido durante uma transmissão ao vivo. O garoto descobriu seu banimento durante uma de suas lives de Fortnite. Em 4 de maio de 2020 ele foi impedido de jogar o battle royale da Epic Games por não ter 13 anos, a idade mínima permitida para jogar o modo Arena. Inclusive, ele foi banido por 1.460 dias, tempo necessário para que ele completasse os 13 anos de idade.

Nas redes sociais, diversos fãs e influenciadores iniciaram a campanha #FreeZenon, que fez a Epic Games rever sua decisão e disponibilizar para Zenon uma conta secundária, enquanto sua conta principal segue banida. Ele poderá voltar a usá-la quando completar 13 anos.

esports

Os melhores casos de justiça sendo feita nos esports

Lembre de jogadores que foram banidos, expulsos ou penalizados por trapaças e por comportamento tóxico em diferentes modalidades do esporte eletrônico

Do K-Pop ao Pôquer: 10 famosos que investem nos esports

O crescimento do esporte eletrônico chama a atenção de celebridades que enxergam o potencial de crescimento do cenário

Listamos 10 modos não oficiais de CS:GO para você testar, jogar e se divertir

Explore diferentes facetas do CS, desde terror, história, survival... existe um para todos os gostos!

0

Mais Reportagens

19:42 Cruzeiro Esports anuncia lineup de Free Fire com campeão mundial Fixa e mais
18:48 Free Fire teve 1,1 milhão de contas suspensas por trapaça na segunda quinzena de maio
17:09 Botafogo Esports anuncia entrada no cenário de Valorant
15:54 Riot Games revela nova cena da animação Arcane de LoL
15:54 Parceira da E3 2021, Webedia anuncia marca global POG
13:57 CS:GO: FURIA e MIBR se enfrentam na final da Aorus League feminina
12:17 Riot revela Hullbreaker, novo item de split push que substitui Lâmina Sanguinária no LoL
12:00 Conheça RonaldinhoBR, advogado, estudante de concursos e representante do Brasil na Capcom Cup 8
11:14 Tabela LBFF 5: Guia com times, calendário, transmissão e mais
10:30 Dopa diz que Chovy é o melhor mid laner do mundo no LoL

Recomendados

Assista à E3 2021 ao vivo com a Webedia (IGN e MGG), parceiro oficial de transmissão
Afrogames e a luta coletiva de jovens negros por mais oportunidades nos games
Exposed nos esports: como denunciar e agir diante de casos de violência sexual

Descubra guias

Os maiores influenciadores de Free Fire, o battle royale da Garena
Loja de Itens de Fortnite hoje, todas as skins e mais