Millenium / Artigos e reportagens de games / League of Legends /

LoL: Qual foi o primeiro rework do MOBA?

LoL: Qual foi o primeiro rework do MOBA?
1

A chegada de um rework em League of Legends é sempre um evento bastante esperado pela comunidade. Uma tradição que a Riot Games iniciou há mais de dez anos e que desde então já trouxe 35 atualizações completas de personagens antigos

Reworks de campeões são uma das grandes obsessões da comunidade de League of Legends. Um retrabalho é a oportunidade perfeita para personagens menos populares, ou que suportaram o pior do tempo, poderem voltar ao dia a dia do jogo. Ao longo do tempo, a Riot Games aperfeiçoou os reworks a ponto deles se tornarem tão importantes quanto o lançamento de novos campeões, algo que começou com uma personagem específica.

Os primeiros reworks do LoL

Para falar dos grandes reworks da Riot de uma perspectiva histórica, precisamos considerar dois campeões: Kayle e Tryndamere. Ambos receberam uma versão renovada no jogo durante o patch 1.0.0.122, que chegou ao LoL em julho de 2011, ou seja, ainda na primeira temporada do jogo.

No entanto, vale ressaltar que grandes atualizações de jogabilidade já haviam sido feitas em outros personagens, sem receber o título de rework.

Kayle passou por um segundo retrabalho em 2019 - League of Legends
Kayle passou por um segundo retrabalho em 2019

No entanto, esses reworks "originais" definitivamente não eram como os retrabalhos atuais. Apesar de estarem na mesma categoria, sendo chamados de Atualizações Visuais e de Gameplay, a verdade é que a Riot parece ter ficado com certo medo de fazer grandes mudanças.

Ambos os campeões mantiveram quatro de suas habilidades intactas, recebendo mudanças significativas apenas nas passivas, com somente algumas alterações de balanceamento nas outras skills.

Além de novas animações, estas foram as mudanças recebidas pelos personagens:

  • Tryndamere: A passiva do campeão mudou para adicionar o sistema de Fúria, que ele ainda usa. O Q mudou para se adequar ao novo feitiço. Crítico e Cura passaram a escalar com Fúria e o atual sistema de aumento de dano baseado na falta de Vida, que fazia parte da Passiva original, também foi adicionado
  • Kayle: A passiva da campeã mudou de converter 30% de AD para AP e 15% de AP para AD para reduzir as resistências inimigas em 2% por acerto até um máximo de 5 vezes. O restante das habilidades teve apenas ajustes de balanceamento.

Mesmo somando os dois reworks, temos apenas três novas habilidades e uma delas era obrigatória, pois Tryndamere precisava se ajustar à sua nova passiva. Para se ter uma ideia, mesmo atualizações menos notáveis, como a de Dr. Mundo, sofreram um número idêntico ou superior de alterações.

Desta forma, não podemos dizer que Kayle e Tryndamere receberam mudanças revolucionárias. Ainda assim, eles abriram um novo caminho para a Riot, que não abandonou essa prática para renovar os campeões mais antigos do LoL.

Desde os dois primeiros reformulações, houve um total de 36 atualizações completas em campeões. Este número aumentará em breve, com a chegada da nova versão de Udyr e o futuro relançamento de Skarner.

A mecânica que pode desaparecer do LoL

Com cada vez mais campeões surgindo com habilidades que se baseiam em buffs ou puramente dano de diferentes maneiras, existe uma mecânica mais rada a cada dia, cujo risco de desaparecer completamente é existente

Artista da Riot Games revela detalhes dos efeitos visuais no LoL de Mordekaiser Velho Oeste

Mordekaiser Velho Oeste chegou recentemente ao PBE do League of Legends e o artista da Riot Games responsável por seus efeitos visuais revelou alguns detalhes tênues da skin

LoL: Os 5 campeões que não foram escolhidos em nenhuma partida profissional da 12ª Temporada

Ao chegarmos à metade da temporada competitiva de League of Legends, apenas cinco campeões não foram escolhidos ou banidos em nenhuma partida. Saiba quais deles foram completamente esnobados pelos pro players

1
Beatriz Coutinho
Bia  - Repórter

Garota mágica formada em jornalismo que ama a sensação de assistir campeonatos e escrever sobre as histórias dos fãs de esports.

é ué é isso há 8 meses

Tá, e qual foi o primeiro então????

Mais Reportagens

21:26 Janna: Runas, builds e guia da campeã de LoL para jogar no meio
19:20 Kassadin: Runas, builds e guia do campeão do LoL para a rota do meio
17:45 O campeão do LoL que pode voltar ao meta em breve e para o qual você deve estar preparado
16:08 LoL: Cápsula Prime vai acabar? Riot faz publicação que deixa comunidade apreensiva
15:42 CBLOL: Pain publica vídeo de comunicação in-game e torcida se revolta
13:30 Patch 13.3 do LoL trará buffs para suportes tradicionais, Annie e mais
12:56 Tier list 13.1b e guia dos melhores campeões de LoL
09:52 Solução LoLdle 30 de janeiro: "Joy is not an easy power to master. It infects you, becomes you"
12:00 Solução LoLdle 29 de janeiro: "I raise my iron fist to subjugate the living.", classic, skill e mais
21:14 CBLOL: Maestro e Netuno comentam vazamento de supostos drafts cometidos por FURIA e Los Grandes

Recomendados

Guia do 1º split do CBLOL 2023: tabela, times, jogos, ingressos e mais informações
Tier list 13.1b e guia dos melhores campeões de LoL
7 curiosidades sobre League of Legends que você não conhecia

Descubra guias

Tier list 13.1b e guia dos melhores campeões de LoL
Kassadin: Runas, builds e guia do campeão do LoL para a rota do meio
Guia de como jogar de Fiora na rota do topo da 13ª Temporada de League of Legends