Millenium / Artigos e reportagens de games / VALORANT /

Valorant: Riot anuncia que VCT 2023 terá ligas continentais na América, Europa e Ásia

Valorant: Riot anuncia que VCT 2023 terá ligas continentais na América, Europa e Ásia
0

Competições servirão como seletivas para os Masters e Champions, mundial da modalidade. Empresa também expandirá os Challengers e VCT Game Changers

A Riot Games anunciou nesta quinta-feira uma prévia das mudanças que ocorrerão no cenário competitivo de Valorant a partir de 2023. Como principal novidade, o estúdio norte-americano deverá criar ligas continentais para o Valorant Champions Tour, com ligas continentais unificando os times da América, Europa + MENA (Oriente Médio e Norte da África) e Ásia.

Sob o novo formato de disputa, que terá detalhes revelados no futuro, os melhores times de cada bloco continental garantindo presença nos grandes campeonatos internacionais, como os Masters e o Valorant Champions, mundial da modalidade.

Na prática, a mudança colocará equipes brasileiras, como LOUD e NIP, enfrentando regularmente outros times da América Latina, como KRU e Leviatán, e da América do Norte, como OpTic e Sentinels. Ao que tudo indica, os deverão servir como seletivas para a liga continental.

Na Ásia, por exemplo, times da Coreia do Sul e do Japão competirão na mesma liga que os demais times da Ásia-Pacífico (APAC) em vez de disputarem seletivas dentro do próprio país por vagas em eventos internacionais.

"Ao longo de 2022, a Riot Games pretende realizar um processo de inscrição seletiva a fim de identificar as melhores parcerias de longo prazo, que ajudarão a transformar o VALORANT no melhor Esport de FPS do mundo. As equipes que atenderem aos critérios de seleção receberão apoio financeiro da Riot Games por meio de uma bolsa anual e a oportunidade exclusiva de colaborar com produtos e ações exclusivos no jogo. As equipes parceiras também poderão distribuir conteúdo de marca dos Esports, permitindo que os atuais 15 milhões de jogadores mensais do VALORANT mostrem sua torcida enquanto assistem e jogam.", disse a empresa em nota enviada à imprensa.

Expansão dos Challengers e VCT Game Changers

Ainda no comunicado, a Riot destacou que os períodos sem competições oficais do VCT terão uma série de torneios promovidos por empresas parceiras, de modo a fomentar o cenário competitivo ao longo de toda a temporada. A companhia disse ainda que irá expandir os Valorant Challengers e o VCT Game Changers, circuito de torneios do cenário feminino.

"Juntos, todos esses elementos vão contribuir para um ecossistema competitivo que levará o VALORANT ao seu próximo estágio de crescimento", disse John Needham, Presidente de Esports da Riot Games.

"Queremos construir o nível mais alto de competição, com partidas eletrizantes, novos eventos para animar o público presencial e experiências atrativas para milhões de fãs online. Usaremos tudo que aprendemos com os Esports do LoL nos últimos 10 anos para criar um ecossistema que transformará o VALORANT no próximo grande Esport multigeracional.", completou o executivo.

Principais mudanças previstas para o VCT 2023

1 -Três novas ligas continentais contarão com disputas semanais entre as melhores equipes do mundo. Nas três ligas continentais, compostas respectivamente por equipes das Américas, Europa e Ásia, os melhores jogadores se enfrentarão em eventos presenciais com plateia (caso as condições de saúde e segurança permitam no momento da realização dos eventos). Ao longo do ano, as melhores equipes de cada liga se classificam para duas competições Masters internacionais e para o VALORANT Champions, evento que coroará uma única equipe como Campeã Mundial do VALORANT.

2 - Um novo modo competitivo acessível a todos os jogadores diretamente no cliente do VALORANT e elaborado para identificar os melhores talentos espalhados pelo mundo. Esse modo funciona como um complemento da Tabela de Classificação existente, dando aos jogadores novas metas acima das ranqueadas.

3 - O lançamento das novas ligas domésticas, que fornecerão mais oportunidades para novos talentos alcançarem as ligas continentais. As melhores equipes do modo competitivo presente no cliente terão a oportunidade de competir contra os melhores talentos de suas regiões em suas respectivas ligas domésticas.

4 - A Riot Games abrirá novos caminhos no cenário competitivo dos Esports com a isenção de taxas de inscrição ou participação para algumas organizações, firmando assim parcerias duradouras.

esports-valorant
Valorant Masters: "Nosso maior diferencial é o profissionalismo", diz bzkA, técnico da LOUD

Técnico da LOUD disse ao MGG Brasil que se surpreendeu com o Top 3 do time no Valorant Masters Reykjavík, mas que o bom resultado é consequência do profissionalismo de seu time

Habilidades da nova agente Fade do Valorant são reveladas pela Riot

A personagem de origem turca Fade é a nova agente do Valorant, cujos poderes estão ligados aos pesadelos

esports-valorant
LOUD foi o time mais assistido do Valorant Masters Reykjavík

Equipe brasileira teve média de mais 596 mil espectadores nas quatro partidas que disputou no Masters. Final contra a OpTic teve pico de mais de 1 milhão de espectadores simultâneos

0
Gabriel SALES
Gabriel Sales

Jornalista apaixonado por games desde o jardim de infância e fã de quase todo tipo de RPG, especialmente os da série Chrono. Nos esports, shooters e jogos de luta são minhas maiores paixões, mas abraço qualquer jogo com uma cena competitiva pulsante.

Mais Reportagens

15:23 Riot confirma retorno de Split ao VALORANT em 2023; Bind e Breeze serão removidos da rotação
18:23 Quando vem o Mercado Noturno no VALORANT? Datas, funcionamento e detalhes da loja
13:17 Patch de VALORANT mais aguardado de todos trará nerfs para Chamber, possível retorno da Split e mais
19:01 Yayah entra para LOUD como nova influenciadora e streamer da organização
13:00 VALORANT: Artista realça a beleza dos agentes com artes absurdamente realistas
13:21 Faker no VALORANT? Astro do LoL brilha em primeira partida casual e termina como MVP
17:42 VALORANT: Estádio do Pacaembu será palco de mundial universitário em dezembro
15:00 Mundial feminino de Valorant bate recorde e atinge pico de 239 mil espectadores simultâneos
11:24 VALORANT: G2 Gozen supera Shopify Rebellion de virada e vence VCT Game Changers
19:03 Harbor, de VALORANT, é desabilitado do competitivo por bug com ultimate

Recomendados

Mudando de vida: como Free Fire e LoL trouxeram novas perspectivas para a favela
PogChamp, LUL, Kappa: O significado e origem dos memes dos esports

Descubra guias

4 jogos viciantes que os pro players usam para treinar
Aim Lab: Como usar para treinar mira no Valorant, CS:GO e outros jogos de tiro
Tudo sobre elos e o sistema de partidas ranqueadas