Millenium / Artigos e reportagens de games / League of Legends /

8 grandes streamers que mudaram o game de foco e você não sabia

8 grandes streamers que mudaram o game de foco e você não sabia
0

Lembre de alguns grandes influenciadores que começaram focados em apenas um jogo e decidiram se aventurar em outros títulos

No início da história da Twitch, do YouTube e de todas as outras plataformas de streaming, muitos dos que hoje são considerados os maiores influenciadores do mundo começaram como apenas jogadores assíduos de um game específico. Porém, com o passar do tempo, obviamente a vontade de investir em outros jogos ou ao menos experimentar outros jogos surge. Este é o caso de grandes nomes como Tyler “Ninja” Blevins, Imane “Pokimane” Anys e outros. Veja nesta lista sete streamers que mudaram o seu “game principal” para lives e se aventuraram em outros mundos.

Imane “Pokimane” Anys: do LoL a Fortnite e Valorant

Pokimane, umas das maiores streamers da Twitch, já teve seus esforços focados em diversos jogos. A influenciadora começou sua carreira com transmissões de League of Legends, game com o qual colecionou já cerca de meio milhão de seguidores na Twitch até 2017.

Em 2018, Anys ingressou em Fortnite, primeiro como parte de uma parceria para testar o game durante a E3, mas a streamer acabou voltando suas atenções para o battle royale da Epic Games em tempo integral. Novamente, após cerca de mais um ano, a streamer chegou a dedicar seu tempo em Valorant, FPS da Riot Games, jogo mais revisitado em seu canal em 2021.

Tyler “Ninja” Blevins de lenda do Fortnite a Warzone e Apex Legends

Ninja, conhecido por muitos por ter se tornado um dos maiores streamers do mundo acompanhando a onda gerada por Fortnite, também é um que muda constantemente o foco de suas lives. Antes do surgimento do battle royale da Epic Games, Blevins geria sua carreira de pro player de Halo.

Após isso, de fato, Ninja passou quase três anos como o rosto de Fortnite, game que o colocou sob os holofotes e garantiu sua ascensão como criador de conteúdo. Porém, após o estrelato e consolidação como grande influenciador, nem ele deixou de se dedicar, por vezes, a outros jogos, como Call of Duty: Warzone e até Apex Legends, título mais visto pelos fãs de suas transmissões no momento.

Timothy "TimTheTatman" John Betar do WoW a muitos outros jogos

TimTheTatman, também um dos streamers mais populares da Twitch por anos, não começou como o grande jogador de FPS que se mostra em suas transmissões hoje. Betar, até pouco depois de se tornar um parceiro oficial da plataforma, em 2014, se aventurava em Counter-Strike: Global Offensive, mas seu preferido era, e ainda é, World of Warcraft.

Claro que, com a audiência se voltando a outros tipos de experiências no streaming, TheTatman também teve que seguir as tendências para continuar relevante, chegando a explorar Fortnite, Warzone, Valorant e até New World, mas os fãs ainda contam com a possibilidade do streamer abrir WoW uma vez ou outra, agora exclusivamente no YouTube Gaming.

Ali "Myth" Kabbani de Fortnite a Warzone e outros FPS

Myth, atleta e streamer da Team SoloMid (TSM), atingiu notoriedade como grande influenciador na Twitch ao se destacar no cenário profissional de Fortnite, nos primeiros anos do game.

Justamente após se juntar à organização norte-americana TSM, Kabbani se voltou puramente à criação de conteúdo e a explorar novos cenários, sempre se destacando em qualquer que fosse o jogo competitivo em ascensão: Warzone, Valorant e mais, títulos que seus mais de 4,5 milhões de seguidores já estão acostumados a acompanhar.

Michael "Shroud" Grzesiek prodígio do CS:GO a outros FPS

É difícil acompanhar produtores de conteúdo em qualquer plataforma e não conhecer o nome de Shroud. O canadense se tornou popular enquanto ainda pro player de CS:GO e, após algumas campanhas sem sucesso no ambiente profissional, decidiu focar seus esforços nas transmissões.

Graças a seu famoso talento de conseguir se destacar mecanicamente em qualquer jogo, Grzesiek é um dos que acompanha tendências da plataforma, gerando clipes com jogadas notáveis em games como PUBG, Warzone, Valorant, isso além de ser um dos que se rendeu ao recente lançamento New World.

Jack "CourageJD" Dunlop do Halo ao CoD e outros FPS

Courage, hoje co-proprietário da 100 Thieves, também se aventurou em alguns diferentes cenários antes de chegar ao palco dos maiores streamers do YouTube Gaming. Dunlop apareceu pela primeira vez se destacando em Halo, quando atuou como apresentador da Major League Gaming (MLG), em 2014.

Em 2018, o influenciador mudou de Halo para a franquia Call of Duty e se tornou membro da OpTic Gaming, organização da qual se despediu em novembro do mesmo ano por voltar seus interesses para Fortnite. O battle royale da Epic Games foi o foco do influenciador por um certo período, mas o streamer também passou a seguir os movimentos do cenário, se aventurando em Warzone, Among Us, Apex Legends e mais.

Rafael "Rakin" Knittel do LoL a variedades

Rakin é hoje um dos maiores influenciadores do Brasil assim como um dos streamers mais relevantes da Twitch para o cenário nacional. Knittel atuou como pro player no CBLOL até 2018, quando ingressou na Team Liquid Academy, organização na qual ainda atua como criador de conteúdo.

Obviamente, enquanto um profissional, mesmo em transmissões, Rakin era sempre visto em Summoner’s Rift. Porém, a partir do momento em que passou a focar seus esforços na geração de conteúdo, o jogador já investiu em FPS como Valorant e Warzone, promoveu diversos eventos de Teamfight Tactics (TFT), Wild Rift e mais com a Copa Rakin, além de apostar no MMORPG New World.

Turner "Tfue" Tenney de Fortnite a Warzone e Apex Legends

Tfue é um dos streamers mais populares da Twitch há anos, mas também um dos com histórias mais conturbadas. Tenney se destacou no início da vida de Fortnite como um grande jogador, colecionando títulos e até uma participação de respeito na Copa do Mundo de Fortnite, em 2019.

No mesmo ano, o streamer entrou em um conflito judicial com a FaZe Clan, organização da qual fazia parte, acusando a empresa de manter um contrato que afetava a renda gerada pelo influenciador. Após todo o alarde, Tfue passou meses longe das redes sociais e de qualquer tipo de plataforma, até retornar à Twitch para também investir em Warzone, Apex Legends, surfar na onda de Among Us e até criar seu próprio servidor de Minecraft.

jogos-mobile

Os maiores influenciadores de Free Fire, o battle royale da Garena

Conheça aqui oito das personalidades mais famosas de Free Fire no Brasil e, quem sabe, descubra um novo jogador para passar a seguir

personalidades

Ana Xisdê, LOUD, Paluh e mais brasileiros são finalistas do Esports Awards 2021

Veja todos os finalistas brasileiros e saiba como votar nos seus favoritos

0

Mais Reportagens

17:37 Relembre as campanhas de equipes brasileiras no Mundial de LoL
11:24 Tudo sobre as mudanças no sistema de recompensa que chegam ao jogo pré-temporada 2022
10:53 Tudo sobre os dois novos dragões que chegam ao jogo na pré-temporada 2022
18:47 Participantes do ULT, Jime e Xofa ganham ilustrações de fãs
16:29 Riot revela nova runa parecida com a antiga Cleptomancia para pré-temporada 2022
16:20 Detalhes dos novos itens da pré-temporada são revelados
16:17 Atualização de LoL 11.21 traz mudanças para Jinx, Lux, Teemo e mais campeões
10:52 Skins Arcane de Vi e Jayce são reveladas no LoL; visuais de Caitlyn e Jinx são vazados
18:01 Arcane: Primeiro episódio da série poderá ser visto em watch parties na Twitch
17:55 Partidas dos playoffs do Worlds 2021 são definidas

Recomendados

Guia Worlds 2021: Times, calendário, transmissão e tudo o que você precisa sobre o Mundial de LoL
Diana e Leona e a representatividade lésbica em League of Legends
Universo alternativo: conheça Manoela “ManzMilk”, escritora de fanfics do CBLOL

Descubra guias

Tudo o que você precisa sobre a segunda temporada do ULT, o reality show de LoL
Tudo sobre o passe do Mundial 2020 e suas missões
Dicionário e glossário completo de termos e gírias de League of Legends