Millenium / Artigos e reportagens de games / Counter-Strike: Global Offensive /

Major de CS:GO: PGL já tem dois países-sede como alternativa à Suécia

Major de CS:GO: PGL já tem dois países-sede como alternativa à Suécia
0

Decisão será tomada pela organizadora do campeonato até 23 de julho

Major de CS:GO: PGL já tem dois países-sede como alternativa à Suécia

A PGL, empresa responsável pela organização do próximo Major de Counter-Strike: Global Offensive, já tem duas alternativas de países-sede para o campeonato mundial do FPS da Valve. A princípio, o torneio continua programado para acontecer em Estocolmo, capital da Suécia, mas as restrições do governo sueco em função da pandemia de Covid-19 fizera a PGL pensar em "planos B" para realizar a competição.

Como o governo sueco não reconhece o Major como um evento esportivo de elite, isso dificultaria a emissão de vistos para os jogadores classificados para o Major, e por isso a mudança de sede vem sendo cogitada. Ainda de acordo com a PGL, decisão final sobre a sede do mundial de CS:GO será anunciada até o dia 23 de julho. Vale lembrar que o International 10, campeonato mundial de Dota 2, mudou de sede de Estocolmo para Bucareste, na Romênia, por motivos similares.

"Neste momento, estamos em discussões diretas com as autoridades suecas e trabalhando juntos para encontrar uma solução para manter o PGL Major em Estocolmo. Para a cidade ser o coração do Counter-Strike no fim do ano, temos que seguir os termos iniciais do projeto: trazer todos os jogadores qualificados para a Suécia e entreter um grande número de espectadores no palco do torneio. As atuais restrições da Suécia permitem apenas 300 espectadores dentro da Avicii Arena, mas essas restrições PODEM ser retiradas depois de 15 de setembro, dependendo do desenvolvimento da pandemia de Covid-19", diz a empresa.

A PGL reforça que gostaria de ter como sede do Major um país que contribuiu para o crescimento do Counter-Strike como um esport, mas que a exemplo de todos os eventos que organizou, sempre conta com um plano B, e disse que já está em contato com outros dois países que já se ofereceram para receber o evento mais importante da temporada de CS:GO.

Ainda no comunicado, a PGL diz que esses países já deram todas as garantias necessárias para receber todos os jogadores em um evento presencial "com uma grande audiência dentro do local do evento", mas ressaltando que as pessoas que acompanharem o evento presencial deverão estar vacinadas.

"Com alguns países reabrindo realmente rápido para eventos, temos uma pequena janela de oportunidade para assegurar uma sede que nos permitirá uma grande audiência vacinada, mesmo com a situação de incerteza em relação ao Covid", acrescentou a PGL, que reforçou no fim seu desejo de manter o evento na Suécia.

"Mesmo assim, ainda esperamos que a Suécia, a casa do Counter-Strike, sediará o próximo Major de CS:GO. Se as condições descritas não forem atendidas, prosseguiremos com o plano B e levaremos o evento para outro país. Teremos mais atualizações em breve", concluiu em nota o coordenador de mídias sociais da PGL, Vlad Ispas.

O PGL Major acontecerá de 23 de outubro a 7 de novembro, terá a participação de 24 equipes e a premiação total de US$ 2 milhões (R$ 10,38 milhões, na cotação atual do dólar).

esports-csgo

CS:GO: MIBR oficializa saída de Danoco da organização

Jogador estava no banco de reservas da organização e manifestou desejo de sair em busca de novas oportunidades

Opinião: Melhor jogador de CS:GO do mundo, S1mple merece coroar carreira com um Major

Campeão e MVP dos dois últimos grandes eventos em LAN do FPS da Valve, ucraniano vive o auge da carreira e parece pronto para conquistar o mundial de CS:GO

esports-csgo

ESL Pro League Season 14 de CS:GO será disputada online

De acordo com a ESL, decisão foi tomada devido ao crescimento do número de casos variante Delta do coronavírus na Europa

0
Gabriel SALES
Gabriel Sales

Jornalista apaixonado por games desde o jardim de infância e fã de quase todo tipo de RPG, especialmente os da série Chrono. Nos esports, shooters e jogos de luta são minhas maiores paixões, mas abraço qualquer jogo com uma cena competitiva pulsante.

Mais Reportagens

09:34 ESL Pro League S16: FURIA enfrenta Outsiders nos playoffs
10:00 CS:GO, Valorant, Free Fire e mais: Todas as vezes em que o Brasil foi campeão mundial nos esports
17:37 ESL Pro League S16: FURIA vence Team Liquid e mantém 100% de aproveitamento
13:11 ESL Pro League S16: FURIA vence Movistar Riders e continua invicta
16:50 O Boticário lança campeonato feminino de CS:GO como parte do projeto Heroínas do Game
14:51 FURIA estreia com vitória sobre Eternal Fire na ESL Pro League S16
17:00 Tier list da ESL para RMR Américas tem Imperial e FURIA abaixo de Team Liquid
12:45 IEM Katowice e IEM Cologne 2023 de CS:GO têm datas reveladas
09:35 IEM Major Rio: ESL divulga datas e horários das partidas
18:00 CS:GO: Fluxo se classifica para BLAST Premier: Fall Showdown e ESL Challenger Rotterdam

Recomendados

Os 7 maiores jogadores brasileiros de CS:GO (até agora)
Quais são as piores armas do CS:GO? Pro players opinam
"O time que eu estiver será o melhor" e outras frases marcantes da história do CS

Descubra guias

Comandos para treinar e como montar sua configuração no CS:GO
Todas as patentes e ranks do CS:GO
Dicionário CS:GO: O glossário completo de termos e gírias