Millenium / Artigos e reportagens de games / Counter-Strike: Global Offensive /

CS:GO: Fallen faz tour por gaming office da Team Liquid na Holanda

CS:GO: Fallen faz tour por gaming office da Team Liquid na Holanda
0

Em vídeo, bicampeão mundial mostrou estrutura do escritório da organização na cidade de Utrecht, com apartamentos individuais, cozinha, salas de streams e treinamento

Bicampeão mundial de Counter-Strike: Global Offensive em 2016, o brasileiro Gabriel "Fallen" Toledo postou em seu canal no YouTube um vídeo onde fez um tour pelo gaming office da organização na cidade de Utrecht, na Holanda. No vídeo, com duração de pouco mais de 6 minutos, Fallen mostrou toda a estrutura do prédio, que conta com 13 apartamentos individuais, área de lazer, cozinha, salas de treinamento e espaço dedicado a streams.

O brasileiro começa o vídeo mostrando a academia da Team Liquid, que pode ser utilizada por jogadores, criadores de conteúdo e demais funcionários da organização. Na sequência, Fallen mostrou o lobby da organização, onde ficam expostos os troféus conquistados pela Liquid em diversas modalidades e os servidores da organização.

Ainda no vídeo, são apresentados pelo jogador de CS:GO a cozinha e o refeitório da Liquid, que dispõe de um telão onde as partidas da organização são trasnmitidas, e a área de lazer, que conta com fliperamas, mesas de pingue-pongue. O prédio ainda conta com um centro de treinamento com isolamento acústico total.

A sala de treino da Team Liquid tem uma estrutura que, segundo Fallen, foi criada para simular um ambiente de campeonato, tanto na altura das mesas quanto nos equipamentos utilizados, com computadores de ponta e monitores com taxa de atualização de 360hz. O escritório ainda conta com uma sala de reviews, onde jogadores e técnicos podem reassistir partidas para encontrar erros e traçar estratégias para campeonatos seguintes.

No vídeo, Fallen ainda destaca que o gaming office conta com 13 apartamentos individuais, onde jogadores, técnicos e staff podem ficar nos períodos que antecedem grandes competições. O brasileiro ainda destaca que o prédio fica a 20 minutos do aeroporto, o que facilita a logística de viagens nos períodos que antecedem competições.

esports-csgo

"Disputamos mundial ganhando menos que metade de um salário mínimo", diz walck

Em entrevista ao MGG Brasil, o técnico falou sobre o baixo apoio ao cenário feminino e que mesmo no auge do time as condições não eram das melhores

esports-csgo

Cinco jogadores são banidos pela ESEA até o fim das investigações da ESIC

Jogadores suspeitos de combinar resultado de partidas competitivas profissionais são afastados da ESEA até a conclusão das investigações conduzidas pela ESIC em parceria com o FBI

CS:GO: "Saiu um grande jogador e eles mantiveram o nível", diz kNg sobre a FURIA

Jogador elogiou organização brasileira, que perdeu HEN1 para O Plano e trouxe o americano Junior

0

Mais Reportagens

16:00 Jogadores e times que colocaram seus países no mapa dos esports
20:11 Da perda dos pais ao domínio no Brasil e ida ao NA: a ascensão de biguzera
12:49 CS:GO: Campeão mundial em 2018, Tarik vai para o banco da Evil Geniuses
11:51 Major de CS:GO: CBCS sediará dois eventos RMR da América do Sul
15:27 CS:GO: v$m poderá disputar Majors e RMRs após Valve mudar regras sobre banimento
15:47 FURIA vence MIBR, mas jogadores lamentam estreia contra brasileiros
15:10 FURIA elimina MIBR e avança na BLAST Premier Spring Showdown 2021
17:47 "Derrota decepcionante", diz EliGE após eliminação da Liquid
17:22 Aim Lab: Como usar para treinar mira no Valorant, CS:GO e outros jogos de tiro
16:23 Liquid perde para Dignitas e é eliminada da BLAST Showdown 2021

Recomendados

Aim Lab: Como usar para treinar mira no Valorant, CS:GO e outros jogos de tiro
Sete jogadoras para ficar de olho no cenário feminino de CS:GO e Valorant
Vsm pode ter uma carreira internacional no CS:GO?

Descubra guias

Quando a MIBR joga?
Agenda completa de quando o FalleN joga pela Team Liquid
Quando a FURIA joga?