Millenium / Artigos e reportagens de games /

North encerra operações nos esports por falta de investidores durante pandemia

North encerra operações nos esports por falta de investidores durante pandemia
0

A pandemia de Covid-19 impactou o mercado de esportes eletrônicos, o que fez com que a North perdesse seus investidores e optasse por fechar a empresa

A organização North Esports anunciou o encerramento de suas atividades nos esportes eletrônicos nesta sexta-feira (5). Representantes da empresa afirmaram que a crise da pandemia de Covid-19 sobre o mercado fez com que a equipe perdesse todos os seus investidores.

O comunicado foi feito ao público por meio do perfil da organização no Twitter. "Hoje é um dia triste. North Esports não existe mais. Obrigado à todos".

Por conta da pandemia, as empresas Parken Sport & Entertainment e Nordisk Film decidiram retirar seus investimentos no time de esports. 

"Buscamos o mercado para conseguir um ou mais co-investidores a bordo do projeto, mas infelizmente não encontramos a combinação certa. Será necessário um investimento contínuo significativo para criar um negócio sustentável no futuro e, portanto, acreditamos que é de responsabilidade exclusiva para o nosso negócio geral é focar todo o nosso foco em nosso negócio principal em FC Copenhagen, Parken e Lalandia, assim como a Nordisk Film se concentrará em seus grandes negócios principais e em crescimento", explicou Lars Bo Jeppesen, presidente do conselho da North e diretor da Parken Sport & Entertainment.

Atualmente, a organização contava com line-ups de CS:GO, Apex Legends e FIFA. Os jogadores do simulador virtual de futebol continuarão fazendo parte do time por estarem associados ao FC Copenhagen.

O time de CS:GO da North sempre foi bastante conhecido. A organização entrou no cenário em 2017, quando conquistou a DreamHack Open Montreal contra a Immortals, que na época contava com os brasileiros Henrique "HEN1" TelesLucas "LUCAS1" TelesRicardo "boltz" Prass, Lucas "steel" Lopes, Vito "kNgV-" GiuseppeRafael "zakk" Fernandes.

O ano de 2020 não foi bom para o time em questão de resultados, mas até 2019, a organização colecionou mais alguns títulos da DreamHack.

esports-csgo

S1mple, da Na'Vi, é o jogador de CS:GO mais valioso do mundo, aponta análise

De acordo com critérios adotados pela WePlay Esports, jogador ucraniano vale US$ 4,5 milhões (R$ 24,1 milhões), enquanto ZywOo, da Vitality, é avaliado em US$ 3,4 milhões (R$ 18,2 milhões)

0

Mais Reportagens

09:34 CBLOL 2021: Final do 1º split bate recorde de audiência com mais de 416 mil espectadores
19:17 Brtt quer que "CBLOL tenha o mínimo de respeito" no cenário internacional
17:21 Pain é campeã da 1ª Etapa do CBLOL 2021 com vitória sobre a Vorax
14:00 Serviço por assinatura no LoL chinês permite testar skins e dá vouchers de RP
12:00 Senna com 5 mil stacks abate Barão e Dragão sem sair da base no LoL
11:40 Free Fire: bak nega ida para paiN e diz cumprir "rigorosamente" seu contrato com a LOUD
10:19 Flamengo é campeão do 1º split do CBLOL Academy 2021 com direito a pentakill de Goku
10:00 Streamer de nível Radiante é banido ao vivo de Valorant pelo Riot Vanguard
16:00 Jogadores e times que colocaram seus países no mapa dos esports
14:00 Protótipo de ultimate da Gwen no LoL era tão bom que queremos em outro campeão

Recomendados

Qual é o futuro das loot boxes no Brasil?
Afrogames e a luta coletiva de jovens negros por mais oportunidades nos games
Exposed nos esports: como denunciar e agir diante de casos de violência sexual

Descubra guias

Tier List de melhores campeões de Wild Rift para cada função
Agenda completa de quando o FalleN joga pela Team Liquid
Quando a MIBR joga?