Millenium / Artigos e reportagens de games / Valorant /

Tixinha deixa o CBLoL para ser caster de Valorant em 2021

Tixinha deixa o CBLoL para ser caster de Valorant em 2021
0

Comentarista oficial do CBLoL desde 2015, Tixinha deixará o cenário competitivo de League of Legends para se dedicar ao FPS da Riot Games

Tixinha deixa o CBLoL para ser caster de Valorant em 2021

Guilherme "Tixinha" Cheida será um dos casters oficiais de Valorant em 2021. Após cinco anos comentando o Campeonato Brasileiro de League of Legends, o comentarista decidiu deixar o cenário de LoL e focar no novo FPS da Riot Games.

Tixinha anunciou a grande mudança nesta segunda-feira (14) e afirmou ter chorado e se emocionado enquanto escrevia o texto no qual revelou a novidade.

"Por conta do League of Legends e do CBLOL, eu conheci 9 cidades do Brasil, 3 países pelo nosso mundão, comecei a minha família, conheci diversos amigos que vou levar pra vida toda, e também conheci vocês, a galera que me acompanhou por 10 anos jogando, comentando, transmitindo e criando conteúdo do jogo. Conheci ídolos como o Ronaldo, palcos do mundo
todo, como o Staples Center, e muitas coisas que não dá pra descrever. Juro que não sei como seria minha vida se o League of Legends não tivesse acontecido. É, sem dúvida, a coisa mais importante que aconteceu pra mim!"
Tixinha

O comentarista afirmou que o Valorant foi "uma das melhores coisas" que lhe aconteceu ao longo de 2020.

"Ajudei o 'novo filho' a crescer e passei a me sentir aquele Tixinha de 2012/201. Quem me acompanha de perto nas lives sabe que eu estou bem focado no jogo há um tempo. Estou com sede de criar essa comunidade, de ajudar o cenário a ser campeão e se tornar o maior do mundo. Quero viver isso", contou o caster.

Uma das maneiras de "viver isso", será atuando como caster em 2021. De acordo com Tixinha, o calendário do cenário competitivo do Valorant será cheio e "o Brasil será parte fundamental" dele.

"Virão muitos desafios novos na minha vida comentando um FPS e não um MOBA. Estou bem feliz com essa transferência, e quero vocês comigo nessa", escreveu o comentarista.

Foto: Riot Games/Reprodução - Valorant
Foto: Riot Games/Reprodução

Em 2021, o cenário competitivo de Valorant contará com diferentes torneios. Um deles é o Challengers, um campeonato menor com qualificatórias abertas que servirão, por si só, como seletivas para os Masters, campeonatos maiores que acontecerão três vezes por ano entre os melhores times de Valorant de cada região - Américas do Norte e Sul, Europa, Ásia, África e Austrália.

Os Valorant Masters classificarão os melhores do mundo para o Valorant Champions, grande final mundial que acontecerá entre novembro e dezembro de 2021. Cada região terá um número específico de vagas para o torneio, que também contará com um Last Chance Qualifier.

esports-valorant

First Strike mostra força de Gamelanders e equipes da Europa, NA e CIS no Valorant

Times de regiões com tradição no gênero FPS despontam como principais candidatos a títulos de eventos internacionais da Riot

0

Mais Reportagens

09:41 Riot revela qual é a relação entre Zeri do LoL e Neon do Valorant
19:57 MIBR revela equipes de Free Fire e Valorant para temporada de 2022
15:22 FURIA anuncia saída de Xand da equipe de Valorant
18:42 Multicampeã no CS:GO, Pan retorna ao competitivo e migra para o Valorant
18:02 LOUD foi o time mais mencionado no Twitter em 2021; lista inclui paiN e FURIA
13:50 Torneio apoiado pela Riot será o primeiro da história com ban de agentes de Valorant
19:00 Team Liquid anuncia line-up feminina de Valorant com daiki e ex-Gamelanders Purple
15:30 Neon, nova agente de Valorant, ganha trailer de revelação
16:00 Jogador recria Ascent, mapa de Valorant, em Fortnite
20:32 Riot exigirá vacinação completa em todos os eventos presenciais no Brasil

Recomendados

22 pro players negros de destaque nos esports no Brasil e no mundo
Fundadora do Joga Sapatão fala sobre importância do coletivo de streamers lésbicas
Afrogames e a luta coletiva de jovens negros por mais oportunidades nos games

Descubra guias

Tudo sobre elos e o sistema de partidas ranqueadas
Aim Lab: Como usar para treinar mira no Valorant, CS:GO e outros jogos de tiro