Millenium / Artigos e reportagens de games / Counter-Strike: Global Offensive /

CS:GO: MIBR completa line-up com vsm, lucas1 e leo_drunky

CS:GO: MIBR completa line-up com vsm, lucas1 e leo_drunky
0

Cogu foi anunciado recentemente e kNg e trk da antiga escalação seguem na equipe

CS:GO: MIBR completa line-up com vsm, lucas1 e leo_drunky

A MIBR de Counter-Strike: Global Offensive (CS:GO) está completa novamente. A organização anunciou Vinicius "vsm" Moreira, Lucas "lucas1" Teles e Leonardo "leo_drunky" Oliveira e agora tem um elenco pronto para disputar o restante da temporada de 2020.

A revelação aconteceu nesta sexta-feira (23), pelo Twitter da organização. Além do trio anunciado, Raphael "cogu" Camargo foi apresentado na quarta-feira (21) como treinador e manager, enquanto a dupla Vito "kNg" Giuseppe e Alencar "trk" Rossato seguem como os pilares da equipe titular. A dupla ficou afastada do competitivo mais de um mês por não terem companheiros para disputar campeonatos. Parte deste período foi com a MIBR totalmente em silêncio.

Apesar do futuro da MIBR definido - ao menos temporariamente -, o dos ex-jogadores segue como uma incógnita. Fernando "fer" Alvarenga e Epitácio "TACO" de Melo não tiveram os nomes ligados a nenhuma outra equipe, enquanto Gabriel "FalleN" Toledo segue na reserva da própria MIBR enquanto usa o tempo livre para streamar diversos jogos, inclusive Valorant.

Sobre a nova line-up da MIBR, a princípio os jogadores chegam apenas por empréstimo e ficam por lá até dezembro, quando a temporada 2020 se encerra. A estreia do novo sexteto acontecerá na Europa durante a BLAST Premier Fall Series 2020, onde eles encontrarão grandes adversários como Astralis e FURIA já na fase de grupos.

Veja abaixo a escalação completa e um pouquinho sobre cada um deles:

Vinicius "vsm" Moreira

Jogador vindo da DETONA Gaming

Uma das figuras que todos mais esperam ver atuando contra grandes times é vsm. O pro player já foi considerado a maior promessa do cenário brasileiro e muitos já pediam seu nome na MIBR. Ainda assim, o impedimento imposto pela Valve de disputar um Major sempre atrapalhou o crescimento da carreira do jogador e uma possível ida para equipes que atuam fora do Brasil.

Leonardo "leo_drunky" Oliveira

Jogador vindo da Sharks

Leo_drunky por outro lado é o jogador de pouca mídia, mas muita bala. O jovem de 20 anos surgiu em 2017 como uma grande promessa na ProGaming e desde que entrou na Sharks foi buscando seu espaço até se tornar uma das principais referências por lá. Agora ele terá uma das maiores chances da sua vida para se provar.

Lucas "lucas1 Teles

Jogador estava sem contrato, mas recentemente atuou pela Imperial

Lucas1 já é um velho conhecido da torcida da MIBR e também de todo o cenário. Dono do bordão "Qué Ota" e de tantos outros, ele já é considerado um veterano no CS:GO e passou por grandes times como KaBuM, Games Academy, Tempo Storm, Immortals, Luminosity Gaming, Imperial mais recentemente e a própria MIBR em uma curta passagem no final de 2019. Esta será a segunda chance de lucas na Made in Brazil.

Vito "kNg" Giuseppe

Seguiu na MIBR

Kng é um dos poucos "sobreviventes" da última line-up da MIBR. Mesmo com a má fase que a equipe viveu, ele tornou-se o jogador mais consistente dos últimos torneios disputados. Já se mostrou diversas vezes um AWP de qualidade e agora deve usá-la com mais frequência com a saída de FalleN.

Apesar da indigestão que teve com a diretoria da MIBR com a saída dos seus ex-companheiros, ele aparenta ser um dos líderes deste novo time.

Alencar "trk" Rossato

Seguiu na MIBR

Trk é o segundo e último remanescente da MIBR. O jogador ainda é relativamente jovem, já possui uma bagagem considerável, nunca foi de aparecer em polêmicas e era um desejo antigo do time. Este novo recomeço pode ser o que ele precise para finalmente deslanchar na equipe.

Raphael "cogu" Camargo

Veio da Falkol

Cogu é o que mudará mais drasticamente sua rotina. O veterano estava atuando como jogador de Valorant da Falkol e agora será treinador de CS:GO. Ao menos neste início de trabalho ele provavelmente será quem terá mais dificuldade de adaptação.

Ao mesmo tempo Cogu é o nome mais icônico da história da MIBR. Campeão Mundial no CS 1.6, ele finalmente está recebendo a atenção que merece da organização desde o retorno. No momento ele pode não ter o conhecimento dos maiores coachs de CS do mundo, mas tem uma vasta experiência com esporte eletrônico e torneios internacionais, além de saber exatamente como pensa um campeão já que conquistou o mundo no passado.

esports-csgo

Luken vai para reserva da Sharks de CS:GO e futuro fica em aberto

De acordo com a organização, o jogador pode voltar a titularidade ou ser negociado

esports-csgo

RED vence Sharks e é campeã do Brasileirão Clutch Circuit S3

Os campeões também faturaram R$ 60 mil

0

Mais Reportagens

20:05 Quem é Lincoln "Fnx" Lau? Prodígio do CS e acusado em exposed do esport
18:57 Episódio completo de "De Férias com o Ex" com fnx acontece nesta quinta (6)
11:27 Com MIBR, Sharks e mais, confrontos dos playoffs do CBCS Elite são definidos
18:38 Veja 11 jogadores que optaram por migrar de CS:GO a Valorant
12:56 FURIA perde para forZe e é eliminada do Spring Sweet Spring 1
12:16 CS:GO: AdreN retorna ao comando técnico da Team Liquid
15:14 CS:GO: TACO, S1mple e XANTARES ironizam entrada de Ancient na rotação de mapas
13:51 Gio dá nome para posições da Ancient para facilitar gameplay no novo mapa
13:15 Valorant Champions Tour 2021: Masters Reykjavík não terá o novo mapa Breeze
12:42 MIBR Day contra Covid é anunciado com Gaules, fnx, Lindinho, Casimiro e mais

Recomendados

Aim Lab: Como usar para treinar mira no Valorant, CS:GO e outros jogos de tiro
"O time que eu estiver será o melhor" e outras frases marcantes da história do CS
Sete jogadoras para ficar de olho no cenário feminino de CS:GO e Valorant

Descubra guias

Quando a MIBR joga?
Quando a FURIA joga?
Agenda completa de quando o FalleN joga pela Team Liquid