Millenium / Artigos e reportagens de games / League of Legends /

Aposentados e perigosos; veja o dreamteam de jogadores inativos do competitivo de LoL

Aposentados e perigosos; veja o dreamteam de jogadores inativos do competitivo de LoL
0

Confira a lista de cinco pro players que formariam um elenco dos sonhos caso não tivessem dado uma pausa de Summoners Rift

Mesmo com uma vida relativamente curta, League of Legends também tem jogadores profissionais que se aposentaram do competitivo. Seja por saúde, decisão própria de encerrar um ciclo ou até mesmo por não conseguir evoluir o próprio desempenho em relação às mudanças que acontecem quinzenalmente dentro do jogo, pro players de LoL optaram por encerrar suas carreiras nos esports.

Nesta matéria, montaremos um time com jogadores que deixaram de atuar no competitivo de LoL, mas que seriam um elenco para lá de forte caso estivessem juntos enquanto estavam em alto nível.

Mylon

League of Legends

O lendário topo que fez história pela Keyd Stars e paiN Gaming com certeza precisa estar em um elenco estrelado de aposentados. Com dois títulos de CBLOL, fez história por manter o próprio nível durante anos, elevando a competitividade na posição, visto que ele era muito acima dos demais no começo e continuou sendo por algum tempo, até que começaram a chegar os sul-coreanos e jogadores brasileiros também passaram a evoluir para alcançar o mais alto nível. Hoje, Mylon é analista de LoL na Riot Games, participando das transmissões do CBLOL aos sábados e domingos.

Revolta

League of Legends

Ele que também é ícone da sua posição, Revolta marcou época no cenário de LoL. Jogador cujo nome é de uns bordões mais emblemáticos das transmissões, ficou marcado pelos seus roubos de Barões e dragões, além de uma jogabilidade mais agressiva que o colocou no topo por muito tempo. Sua última passagem pelo competitivo, pela INTZ, na qual catapultou sua carreira pelo famoso Exodia, não foi tão bem. Já na KaBuM!, conseguiu chegar aos playoffs e fez uma ótima fase regular, considerado um dos melhores caçadores daquela temporada pela comunidade. Por fim, optou por dar uma pausa na própria carreira e atualmente está fazendo streams diariamente com um relativo sucesso , levando milhares de espectadores para suas transmissões.

tockers

League of Legends

No mesmo molde de Revolta, tockers também fez história no League of Legends brasileiro. Com quatro títulos de CBLOL, é um dos maiores vencedores da história do torneio e também esteve no time mais vitorioso que o Brasil já teve: o Exodia. Nele, participou de diversos campeonatos internacionais, o que o fez ter uma visibilidade enorme, resultando em uma quase transferência para a LCS, liga norte-americana de LoL e uma das regiões major do MOBA da Riot Games. Entretanto, por alguns empecilhos, a negociação não aconteceu e o meio teve um fim de carreira no Brasil, atuando primeiro pela Vivo Keyd, com a tentativa de reformulação do Exodia, quase conseguiu seu quinto caneco, mas ficou com o vice-campeonato. Em seguida, foi para a Havan Liberty e não desempenhou no mesmo nível que estávamos acostumados a assistir. Por fim, virou treinador da organização durante uma temporada e em seguida se aposentou completamente do competitivo do jogo. Hoje, ele também faz streams de LoL, trazendo mais do seu conhecimento para a comunidade do jogo.

brTT

League of Legends

Simplesmente o maior campeão da história do CBLOL. Com seis títulos, o "Pai" pausou sua carreira em 2021, com anúncio durante o Prêmio CBLOL. Atuando ininterruptamente por longos anos, brTT optou por ter uma pausa para si mesmo e descansar, tanto fisicamente quanto psicologicamente. Segundo ele, a pandemia também foi uma das causas da perda daquela chama por competir, visto que todos os torneios estavam sendo realizados de forma remota.

Campeão por paiN (3x), RED Canids e Flamengo, o atirador é um ícone do LoL brasileiro e estará em qualquer dream team que fizermos, seja da história, de aposentados ou até mesmo de melhores de todos os tempos. Ele ainda deixou em aberto a volta para o competitivo, mas por enquanto estará nesta lista de melhores jogadores que não estão atuando mais como profissionais.

esA

League of Legends

Também com pausa recente, esA não tem um título de CBLOL. Entretanto, é um dos melhores jogadores que já passaram pela sua posição de suporte. Antes atirador, esA é uma dos casos de sucesso de jogadores que trocaram de posição e se mantiveram em alto nível. Principalmente atuando pela paiN Gaming, pela qual foi vice-campeão em 2020, o suporte sempre esteve entre os melhores, seja no top 3 ou top 5. Ele também deixou em aberto o seu retorno, mas ainda não decidiu voltar, mesmo após um ano parado e fazendo streams de apostas junto de Baiano, outro jogador que também pendurou os mouses.

Como funciona a supressão no LoL? Mecânica é compartilhada por apenas seis campeões

Esse é o controle de grupo mais poderoso de League of Legends, até por isso não é presente em muitos personagens e tem regras específicas

Qual seria o melhor campeão do LoL se só existissem ataques básicos?

Um League of Legends sem habilidades e sem itens... como seria? Fizemos essa reflexão e elegemos alguns personagens que se sairiam melhor nessa empreitada

Cápsula Prime Gaming do LoL de janeiro está disponível para resgate

Recompensa inclui 650 RP, uma skin permanente, fragmentos de campeão, Eternos e mais

0

Mais Reportagens

18:31 Riot revela teaser da nova campeã do LoL Renata Glasc, a Baronesa da Química
13:57 "Minha gata tem mais fãs que a INTZ", provoca Kami, ex-pro player de LoL
23:20 Vi: Runas, builds e guia da campeã do LoL para jogar como caçadora
13:30 Diana: Runas, builds e guia da campeã do LoL para jogar como caçadora
13:17 Tudo sobre o passe Festival Lunar 2022 e suas missões no LoL
12:14 A ultimate mais eficaz de Ezreal que você verá hoje
10:42 Saiba qual é a estratégia por trás da Janna Top de Smite para vencer no LoL
09:17 Vel'Koz receberá atualização visual em suas habilidades no LoL
19:21 A assustadora skin Rek'Sai K/DA de LoL criada pela comunidade para "zoar" a Riot
18:21 LoL: Prévia do patch 12.3 indica nerfs em Zeri, Senna, Amumu, ajustes em itens e mais

Recomendados

As escalações da primeira etapa do CBLOL e Academy 2022
Tudo o que você precisa sobre a segunda temporada do ULT, o reality show de LoL
Por dentro da LOUD: como é e como funciona a estrutura para os atletas da organização

Descubra guias

Quanto gastei no LoL? Site oficial mostra dinheiro investido no game
Diana: Runas, builds e guia da campeã do LoL para jogar como caçadora
Akali: Runas, builds e guia da campeã de LoL para jogar no meio