Millenium / Artigos e reportagens de games / League of Legends /

CBLOL: "Intenção é que seja até o 2º split", diz brTT sobre pausa na carreira em 2022

CBLOL: "Intenção é que seja até o 2º split", diz brTT sobre pausa na carreira em 2022
0

Em entrevista coletiva após o prêmio CBLOL, o atirador brTT afirmou que a lição que tirou dos últimos dois foi cuidar da própria saúde mental

Na última terça-feira (23), o atirador Felipe "brTT" Gonçalves anunciou uma pausa em sua carreira como pro player de League of Legends. Garantindo que quer retornar a jogar no 2º split do CBLOL 2022, que será presencial e com torcida, ele afirmou que cuidar da própria saúde mental foi a lição que tirou dos últimos dois anos.

"Cuide da sua saúde mental. Acho que é isso. A lição que vou tirar desses dois últimos anos é que outros atletas, de outras modalidades inclusive, devem passar por isso. Esquecem da própria vida e focam absolutamente só no trabalho, esforço, resultado, e quando olham para trás, para si mesmos no espelho, percebem que falta alguma coisa. O título pode ter vindo, mas vai chegar um ponto da sua vida em que isso vai pegar e você vai sentir. Acho que foi isso que tirei desses dois últimos anos, sempre tomar cuidado pra não chegar onde cheguei", disse brTT em entrevista coletiva após o Prêmio CBLOL 2021 - no qual conquistou o troféu de Craque da Galera.

brTT é hexacampeão do CBLOL, conquistando seus títulos em 2013, 2014, 2º split de 2015, 1º split de 2017, 2º split de 2019 e 1º split de 2021.

Confira abaixo o discurso completo do jogador no Prêmio CBLOL 2021:

"Primeiro tive o término de relacionamento de oito anos com a mulher que sempre esteve do meu lado desde o começo da minha carreira, e se não fosse por ela eu nem estaria aqui fazendo esse discurso para vocês, então foram alguns meses bem pesados para mim.

Com isso veio a pandemia também, forçando os jogadores a treinarem em suas casas. Sempre fui um jogador muito emotivo, que gostava de passar essa energia e emoção para quem estava me assistindo, isso desde 2012. No primeiro campeonato que joguei, já sentia a vibração da torcida.

E quando isso foi tirado de mim, infelizmente por conta da pandemia, senti que perdi um pedaço de mim, porque quando eu estava no estúdio me sentia em casa, me sentia vivo. E quando fui forçado a jogar de casa, foi muito complicado, me afetou muito, porque todo mundo sabe o quanto sou emotivo.

A cada dia que eu acordava para treinar ou jogar um campeonato, eu sentia que faltava algo, sentia que perdia um pedaço de mim a cada dia, e isso foi piorando cada vez mais. Quem me acompanha conseguia sentir isso, acho que dava para perceber que tinha algo errado. Até que chegaram os dias em que eu acordava e simplesmente não via um propósito, não tinha mais força, energia, ou algo que me motivasse pra competição, mas mesmo assim continuava indo pro treino, porque não podia simplesmente parar, não sabia dizer 'Cara, tá difícil para mim".

Quando a pessoa está assim no fundo do poço, ela se isola mais e mais e não sabe como pedir ajuda, e isso refletiu bastante no meu rendimento, nos treinos, eu perdia a paciência muito fácil. Peço até perdão para os meus team mates, para a organização, por eu não ter sido o líder que  eles esperavam e o player que sempre fui.

Graças a Deus encontrei o boxe e a música, que me ajudaram a sair desse buraco e a encontrar alegria de novo e um sentido para ser feliz. Passei por um estresse muito grande nos últimos dois anos, mesmo nesse momento difícil eu me forçava a competir e isso me causou um desgaste mental gigantesco.
Acho que chegou o momento de eu descansar, vou pegar esse primeiro split do ano que vem para descansar e cuidar de mim. 

Sei quanta gente me apoia, sempre tive pessoas para as quais eu podia pedir ajuda, mas isso não é simples quando você chega nesse ponto. Quero pedir desculpas por quem teve que lidar comigo nesses últimos dois anos, por eu não ter correspondido as expectativas.

Só espero um dia poder recuperar o brilho no olhar que eu tinha quando entrava numa competição, para passar essa energia para os meus fãs, para quem me acompanha, para minha família, para orgulhar todo mundo de novo, mas agora preciso cuidar de mim um pouco."
brTT

Com o retorno do CBLOL de forma presencial, brTT foi questionado sobre repensar sua decisão, já que o stage fez tanta falta para o jogador.

"Com certeza [a volta] fez eu pensar um pouco, né? Mas como falei, chegou o momento de eu pensar em mim e cuidar de mim, até eu ver que recuperei o brilho no olhar que tinha de competir, aquela emoção, que posso transmitir para todo mundo, para os meus fãs. Foram eles que fizeram eu me tornar o que sou hoje. Com certeza com o CBLOL voltando para o estúdio e até com torcida... Tenho intenção de ir paro estúdio, acompanhar o time, ver como as coisas serão. Talvez a vontade de voltar volte até mais rápido".

Ainda falando sobre seu já tão aguardado retorno, o atirador ressaltou que ainda possui o desejo de representar o Brasil internacionalmente de novo.

"Minha intenção é que [a pausa] seja até o 2º split, porque tenho essa vontade ainda, de ir pro Mundial, representar o Brasil. É um evento que acho sensacional, já competi lá e sei como é a magnitude. Ainda tenho essa vontade de participar do Mundial de novo, vamos deixar passar esses primeiros meses para falar melhor de datas, mas meus planos são sobre o 2º split".

brTT é uma lenda do cenário competitivo de LoL, tido como referência no Brasil, ele também sempre é lembrado por jogadores internacionais em torneios como MSI e Worlds. São 10 anos de carreira e diversas premiações individuais. Reconhecido internacionalmente pelo Draven, também foi citado em diversas animações da Riot Games ao longo dos anos.

esports-lol

Riot revela cidades sede do Worlds 2022

Após um vazamento acidental, a Riot revelou que quatro cidades receberão diferentes fases do Mundial 2022 de LoL: Nova York, Cidade do México, São Francisco e Toronto

FURIA está próxima de acerto com fNb e Ranger para CBLOL 2022

Caso a movimentação se concretize, elenco dos Panteras começa a ser definido para a próxima etapa

esports-lol

Rensga fecha elenco para CBLOL 2022 com Goku no mid

Jogador assinou contrato com a organização nesta terça-feira e defenderá os cowboys na próxima etapa

0
Beatriz Coutinho
Bia  - Repórter

Garota mágica formada em jornalismo que ama a sensação de assistir campeonatos e escrever sobre as histórias dos fãs de esports.

Mais Reportagens

12:00 LoL: Com Determinação Mortal, Pantheon está pronto para se tornar Guardião Estelar nesta fanart
10:00 Cosplay impressionante de Kindred Florescer Espiritual do LoL tem até mesmo grande cabeça do Lobo
16:00 Fanart de casamento entre Graves e Twisted Fate do LoL faz referência a cena de Piratas do Caribe
12:00 Os 12 campeões mais jovens do LoL
16:39 MSI 2022: "Estamos aqui pelo título, não só para brincar", diz Turtle na estreia da EG no Hexagonal
14:00 Riot lança animação de Bel'Veth, a Imperatriz do Vazio, nova campeã do LoL; assista
13:59 LoL: A mecânica que preocupa a Riot e pode ser alterada no próximo patch
19:43 LoL: Falas de Bel'Veth no PBE mostram relação da campeã com Kai'Sa, Kassadin, Malzahar e Vel'Koz
17:16 O campeão esquecido pela comunidade que a Riot eliminou para sempre do LoL
14:00 O cosplay de Ahri Florescer Espiritual que faz você querer levar o "Charm" no LoL

Recomendados

Bel'Veth ainda nem foi oficializada no LoL pela Riot e já ganhou várias fanarts
As maiores novidades do LoL: novas skins, campeões, reworks e mais
Tudo o que você precisa sobre a segunda temporada do ULT, o reality show de LoL

Descubra guias

Guia do MSI 2022: horários, jogos, grupos e todas as informações do mundialito de LoL
Como ganhar RP de graça no LoL? Veja métodos oficiais e seguros
Guia do 2º split do CBLOL 2022: tabela, times, jogos, ingressos e mais informações