Millenium / Artigos e reportagens de games / Counter-Strike: Global Offensive /

Opinião: O cenário de CS:GO está se matando enquanto a Valve assiste de camarote

Opinião: O cenário de CS:GO está se matando enquanto a Valve assiste de camarote
0

Migrações de jogadores para outros games, polêmicas como hacks e outra trapaças e até combinação de resultados têm se mostrado rotineiras

O cenário de Counter-Strike: Global Offensive (CS:GO) vive momentos tenebrosos, um atrás do outro. Estes, inclusive, dignos de grandes filmes de terror da Netflix e Prime Video ou então das histórias de George R. R. Martin - autor de Game of Thrones - que é capaz de sempre concluir toda história com um desfecho catastrófico, mesmo quando tudo parece bem. Ainda assim, apesar das menções ao cinema e seriados, isso não significa que a Valve, dona do jogo, precisa assistir a tudo de camarote enquanto come pipoca.

Não faz muito tempo que fiz um texto opinativo sobre como a própria Valve deixar seu principal FPS largado às moscas, com poucas atualizações de impacto, raríssimas novidades e melhorias quase inexistentes, suplicadas pela comunidade. Depois de tanto observar os horrores do cenário profissional, chegou a hora de falar do competitivo de CS:GO.

Antes que alguém aponte, sim, é "normal" que aconteçam alguns escândalos. E quando digo normal, coloco propositalmente entre aspas, pois não é algo que deve acontecer, mas, fatalmente, uma hora ou outra acontece algum - seja nos esportes eletrônicos ou tradicionais. No entanto, a sequência de polêmicas que assolaram e ainda assolam o cenário de CS recentemente é realmente assustadora.

Em pouquíssimos meses, o CS:GO que é um jogo de guerra dentro dos servidores, virou uma verdadeira guerra. Entre as polêmicas podemos citar times como a BIG se aproveitando de bug em pleno Major, "bug dos coachs", acusações de trapaças em campeonatos online de altíssimo nível, times comprovadamente eliminados por trapaceiros sem ao menos uma segunda chance, a volta das combinações de resultado e mais. Sim, a lista é extensa para tão pouco tempo.

Fazendo um recorte com o "bug do coach" como exemplo, quem se lembra da série de pessoas que afirmaram que denunciaram este erro para a Valve anos antes da polêmica acontecer? A Valve foi informada do problema e só foi capaz de olhar para ele e consertá-lo depois das acusações e provas bombardearem a cena sem dó. Por que algo grave e que poderia dar tanta vantagem para apenas um jogador ou time não foi visto antes? Ninguém sabe.

Apoka (hoje na MIBR) e Guerri (FURIA) foram dois dos treinadores brasileiros mais famosos punidos no bug do coach. No entanto, a punição não foi das piores pelo fato de não enxergarem a intenção de trapaça em ambos. - Counter-Strike: Global Offensive
Apoka (hoje na MIBR) e Guerri (FURIA) foram dois dos treinadores brasileiros mais famosos punidos no bug do coach. No entanto, a punição não foi das piores pelo fato de não enxergarem a intenção de trapaça em ambos.

Isso sem contar com a falta de perspectiva de jogadores que deixaram o cenário e migraram para o Valorant, o enfraquecimento completo de cenários como o norte-americano por conta deste êxodo, a incapacidade de realizar torneios offline de forma segura como a Riot Games e outras publishers foram capazes...

Em todos estes casos, em quanto vimos a Valve agir ativamente e de forma rápida? Em quantos deles você se sentiu seguro, pois a Valve iria intervir para resolver tudo? Em quantos deles você lembra exatamente qual foi o posicionamento da Valve? Ou será que foi de alguma outra entidade?

São perguntas que quando nós jogadores e espectadores de CS:GO fazemos facilitam a entender como a situação é grave e como todos, ou pelo menos a maioria, se sente: sem perspectiva.

Agora pense um pouco comigo. Se nós que amamos CS:GO e o jogamos todos os dias estamos preocupados e desacreditados em meio a tantas polêmicas, imagine os tais detentores do capital, que fazem o cenário profissional girar... Como será que eles enxergam tudo isso? Será que estas pessoas estão seguras e animadas para investir no game, em equipes, jogadores, influenciadores?

Não sei como a maioria enxerga a situação, mas vejo como uma grande bola de neve - e não problemas isolados que aconteceram por acaso. Aos poucos uma coisa levou à outra, que também levarão a outras novas, enquanto o quadro fica cada vez mais sério e complicado de reverter.

Em meio a polêmicas atuais, o CS:GO já foi e é palco para diversos momentos incríveis também

Tenho plena consciência que muitos lerão este texto ou, pior, apenas o título, e falarão que tudo isso não passa de choro ou birra. De uma forma geral, só consigo enxergar este tipo de jogador como parte do problema que a própria Valve criou: acostumou muitos a achar que é normal uma empresa ficar inerte aos pedidos de seus consumidores ou então aos incêndios crescentes na cena profissional e comunidade. De verdade, não consigo nem culpá-los por isso, apenas lamento toda a situação.

Tenho 26 anos de idade e desde os oito anos jogo Counter-Strike quase que ininterruptamente. Amo este jogo, amo tudo que foi construído nele, amo o que ele representa e não à toa desde 2015 fiz dele parte da minha profissão, que pretendo levar para a vida inteira. Tudo que eu desejo e, no alto da minha presunção, pretendo, é cobrar e conseguir melhorias e dias melhores para o game. A verdade é que eu não faço ideia se vou conseguir, mas tenho certeza que vou tentar.

E você, também está tentando? O que acha de tudo isso? Vamos debater o tema educadamente nos comentários.

esports-csgo

Keyd, DETONA e Bears deixam o CBCS por ter jogadores com VAC na conta

A Valve deixou claro que jogadores só poderão disputar suas competições 5 anos após o banimento VAC

esports-csgo

FURIA e Liquid disputarão RMR do CS_Summit 8; GODSENT e paiN tentam vaga

A qualificatória fechada do CS_Summit 8 acontece entre 14 e 18 de maio, enquanto a etapa principal será disputada entre 20 e 30 de maio.

esports-csgo

Zqk será deportado do México e pode desfalcar Imperial no RMR NA

O jogador da Imperial ainda está no país e incomunicável, mas deve retornar ainda hoje, em voo marcado para às 22h

0

Mais Reportagens

19:42 CS:GO: FURIA perde para NaVi e é eliminada da DremHack Masters Spring
20:05 Quem é Lincoln "Fnx" Lau? Prodígio do CS e acusado em exposed do esport
18:57 Episódio completo de "De Férias com o Ex" com fnx acontece nesta quinta (6)
11:27 Com MIBR, Sharks e mais, confrontos dos playoffs do CBCS Elite são definidos
18:38 Veja 11 jogadores que optaram por migrar de CS:GO a Valorant
12:56 FURIA perde para forZe e é eliminada do Spring Sweet Spring 1
12:16 CS:GO: AdreN retorna ao comando técnico da Team Liquid
15:14 CS:GO: TACO, S1mple e XANTARES ironizam entrada de Ancient na rotação de mapas
13:51 Gio dá nome para posições da Ancient para facilitar gameplay no novo mapa
13:15 Valorant Champions Tour 2021: Masters Reykjavík não terá o novo mapa Breeze

Recomendados

Aim Lab: Como usar para treinar mira no Valorant, CS:GO e outros jogos de tiro
"O time que eu estiver será o melhor" e outras frases marcantes da história do CS
Sete jogadoras para ficar de olho no cenário feminino de CS:GO e Valorant

Descubra guias

Quando a MIBR joga?
Quando a FURIA joga?
Agenda completa de quando o FalleN joga pela Team Liquid