Millenium / Artigos e reportagens de games / Wild Rift /

"Nosso objetivo é fazer do Wild Rift o melhor esport mobile", diz Riot Games

"Nosso objetivo é fazer do Wild Rift o melhor esport mobile", diz Riot Games
0

O MOBA mobile do estúdio chegou ao Brasil e a outros países das Américas e claro que o público competitivo já está na mira da empresa

League of Legends Wild Rift - versão mobile de LoL, MOBA da Riot Games - chegou oficialmente tanto para os jogadores brasileiros quanto para o restante das Américas. O game não apenas promete alcançar um público novo para o universo de Runeterra quanto pretende desenvolver seu próprio cenário competitivo, nas palavras da própria empresa.

O MGG Brasil conversou com desenvolvedores do game e, em entrevista coletiva, foi revelado que um dos objetivos da Riot para Wild Rift é fazer do novo título "o melhor esport mobile" do mercado.

League of Legends Wild Rift

Wild Rift foi apresentado como uma das novidades da Riot no evento de comemoração aos 10 anos de LoL, em 2019. Desde então, o game, que já estava em sua fase final de testes, passou a ser disponibilizado para o público.

Em 16 de setembro de 2020, países do sudeste asiático receberam a primeira versão em beta fechado, em 27 de outubro de 2020, o jogo entrou pela primeira vez em beta aberto e agora já está disponível em diversos países como o próprio Brasil - desde o último domingo (28).

Wild Rift Competitivo

Claro que, com um competitivo consolidado em League of Legends, seja com o título em si quanto a nível profissional, o mesmo tópico é um assunto importante para Wild Rift.

O assunto maior antes de pensar em qualquer coisa a nível competitivo é o balanceamento do jogo e isto foi citado por Ben Forbes, Líder de Comunicação de League of Legends Wild Rift. Segundo ele "na Riot, eles se consideram mais 'informados' do que 'dirigidos' pelas informações que recebem".

Forbes explicou a declaração ao compartilhar uma experiência do próprio grupo de desenvolvedores:

"Fizemos diversos balanceamentos baseados nas estatísticas e achamos que, portanto, ficaria balanceado.

O que vimos, porém, foi que muitos jogadores ficaram frustrados por jogar em volta dessas mudanças, ou que impactavam apenas os jogadores mais competitivos nos níveis mais altos de ranque e afins.

Quando tomamos decisões sobre balanceamento, buscamos um equilíbrio entre as informações cruas de como os players jogam, mas também algumas coisas que são absorvidas de um dev conversando com um jogador em um subtópico de Reddit ou Twitter, por exemplo."
Ben Forbes

Wild Rift Esports

Uma vez estabelecido, o assunto se virou totalmente para esports e, sobre isso, o Líder de Comunicação afirmou que "o objetivo é fazer do Wild Rift o melhor esport mobile".

"Para isso, queremos saber das necessidades tanto da base de jogadores enorme que já temos em todos os nossos jogos quanto da infraestrutura que já possuímos e tomamos decisões baseadas nisso", completou.

Wild Rift

Conforme reforçou Forbes, já existem cenários competitivos embrionários em regiões como Europa e Sudeste Asiático - que receberam o game em fase beta aberta antes do restante do mundo - e o título já faz até parte de line-ups oficiais de torneios como a ESL Mobile Open. Além disso, como diz o próprio Rioter, "não é segredo que estamos fazendo o jogo já pensando em esports".

Forbes ressaltou que os fãs podem esperar novidades sobre o competitivo apenas no segundo semestre de 2021, pois o foco no momento é fazer o jogo chegar na maior quantidade possível de jogadores primeiro.

"O que funciona para LoL de PC pode não funcionar para Wild Rift. LoL possui um ecossistema muito forte, mas isso foi construído com mais de 10 anos de trabalho e quando falamos de esports, queremos tomar decisões que sejam naturais para a comunidade, não estamos tentando reinventar tudo que as pessoas conhecem como profissional nem nada do tipo, mas vamos usar a experiência que temos com LoL, Valorant e outros jogos para fazer tudo da melhor maneira possível", concluiu.

LoL: Wild Rift terá Passe de Batalha com skins exclusivas

Wild Rift chega ao Brasil em 29 de março, um dia antes da atualização 2.2, que traz um Passe de Batalha para o game mobile a partir de 30 de março

Wild Rift está disponível gratuitamente em fase beta aberta para Android e iOS. Saiba como baixar.

jogos-mobile

Faker vira motorista de ônibus em propaganda de LoL: Wild Rift

Seria este o futuro distante de uma aposentadoria do tricampeão mundial de League of Legends?

0

Mais Reportagens

16:43 Wild Rift: Tudo sobre o evento Astromante e suas missões
09:27 Wild Rift: Atualização 2.2a traz Rammus e buffs para Diana, Pantheon e mais campeões
10:05 Flamengo anuncia SirT como treinador de Wild Rift
10:23 Preços e itens dos Passes de Batalha Wild e Wild Elite no Wild Rift
17:21 Nimo TV firma parceria com Riot Games para transmissão de campeonatos
17:16 Diferenças Wild Rift vs LoL: guia completo para iniciantes e veteranos
13:58 Tier List de melhores campeões de Wild Rift para cada função
11:23 Evento de Wild Rift dá recompensas para veteranos do LoL
12:12 Como desbloquear campeões em LoL Wild Rift de forma mais rápida
09:28 Notas da atualização 2.2 de LoL Wild Rift trazem Galio, teste de ARAM e mais

Recomendados

Qual é o futuro das loot boxes no Brasil?
Afrogames e a luta coletiva de jovens negros por mais oportunidades nos games
Exposed nos esports: como denunciar e agir diante de casos de violência sexual

Descubra guias

Tier List de melhores campeões de Wild Rift para cada função
Diferenças Wild Rift vs LoL: guia completo para iniciantes e veteranos
Quais celulares rodam LoL Wild Rift, veja requisitos mínimos