Millenium / Artigos e reportagens de games / Counter-Strike: Global Offensive /

CS:GO: "Acho que essa coroa vai cair em breve", diz napeR sobre a FURIA

CS:GO: "Acho que essa coroa vai cair em breve", diz napeR sobre a FURIA
0

NapeR comentou sobre o vice da Gamers Club Masters feminina II, elogiou a campeã FURIA, mas acha que o time será batido em breve

CS:GO:

O reinado da FURIA segue intacto no cenário feminino de Counter-Strike: Global Offensive (CS:GO). Mesmo com uma troca importante na line-up, a equipe se sagrou grande campeã da Gamers Club Masters Feminina II, no último domingo (13). No entanto, Camila "napeR" Naper da 9z Team acredita que "essa coroa vai cair em breve".

A opinião de napeR foi emitida durante a coletiva de imprensa que aconteceu logo após o título furioso. A sniper foi vice-campeã pela 9z e destacou que as Panteras são o melhor time do Brasil de fato, mas ao mesmo tempo não são invencíveis.

"Enquanto a FURIA continuar ganhando os torneios elas seguirão como o time a ser batido", cravou napeR. "Mas não acho que exista um time invencível e nós provamos que temos muita força e que estamos trabalhando muito para superá-las, tanto que ontem demos um comeback e mostramos ao que viemos, fomos bem na Inferno também e a Vertigo sinceramente eu não conto, pois nós não treinamos o mapa nenhuma vez. Eu acredito sim que elas ainda são o time a ser batido, mas acho que essa coroa vai cair em breve", finalizou.

De acordo com napeR, o pouco tempo de treino da nova 9z Team foi um dos fatores que mais atrapalhou a equipe na competição. A própria sniper entrou no elenco recentemente para cumprir a difícil missão de substituir Camila "cAmyy" Natale, missão a qual ela classificou como "uma honra", já que há uma admiração mútua entre as duas, como ela mesma revelou.

Como esperado, a falta de tempo refletiu no map pool das jogadoras que se encontraram em situação complicada, pois tinham o mapa Train como veto certo e Vertigo sem treino algum, enquanto a FURIA mostrava bom desempenho em ambos os cenários. O jeito que elas encontraram foi arriscar e apostar em um mindset mais tranquilo.

“Nós tínhamos noção que o primeiro mapa poderia ser o placar que foi, mas entramos confiante e com a mentalidade de que o mapa era delas, o favoritismo era delas, então a pressão também era. Mesmo tentando ganhar, estávamos na Vertigo mais para não fazer feio, pois não treinamos Vertigo nem Train."

Arte natalina da 9z Team, feita pela Gamers Club - Counter-Strike: Global Offensive
Arte natalina da 9z Team, feita pela Gamers Club

A barreira linguística foi mais um desafio enfrentado por napeR neste início de time, já que três jogadoras da 9z são argentinas e a brasileira Josiane "josi" Santos já se acostumou a comunicar em espanhol.

"No começo foi muito difícil e eu me senti bem perdida, pois não tenho facilidade com o Espanhol e elas só se comunicam em espanhol", admitiu napeR. "Eu tive até mesmo que aprender o nome das posições tudo de novo e há sempre aquela confusão nos momentos mais rápidos e no rush acabo falando português e a Josi é a que mais entende porque é brasileira, apesar das meninas também entenderem um pouco. Hoje em dia está mais tranquilo, eu tenho estudado espanhol por fora e quando tenho dúvida pergunto a elas e todas estão sempre dispostas a ajudar e a corrigir, além de serem bem pacientes".

Após o campeonato a AWP da 9z Team disse que não tira de maneira nenhuma o mérito das adversárias, "que jogaram muito bem, souberam punir erros e souberam me punir". Mas o momento é de focar em si mesma e na sua própria equipe, rever erros e colocar a cabeça nos próximos desafios que vem pela frente, á exemplo da classificatória da Game XP e também da final da BGS Esports feminina, onde inclusive há chances de um reencontro entre 9z e FURIA.

esports

Boca Juniors entrará para os esports em 2021 com times de LoL e CS:GO

Um dos clubes de futebol mais tradicionais da Argentina e do mundo, o Boca Juniors anunciou que terá line-ups de CS:GO e LoL em 2021

esports-csgo

BOOM vence Isurus e é campeã da FlowFiReLEAGUE 2020 na estreia de fer

Fer estreou bem na BOOM e foi peça importante no título da FlowFiReLEAGUE 2020 Global Finals sobre a Isurus

esports-csgo

FURIA FE mira em "trazer resultados históricos" na cena mista, diz Nandinnn

A FURIA foi campeã da Gamers Club Masters Feminina II, mas um dos grandes objetivos do time é se estabelecer na cena mista

0

Mais Reportagens

18:58 CS:GO: Dev1ce brilha e faz 70 kills em estreia pela NiP, mas perde para Anonymo
13:11 Casal Yadinho quebra a internet e viraliza mundialmente
17:23 MIBR Day arrecada mais de R$ 60 mil em doações para combate ao Covid-19
12:26 Team One garante vaga no qualificatório fechado do cs_summit 8; Imperial cai
15:03 CS:GO: NaVi vence Gambit e conquista a DreamHack Masters Spring
19:42 CS:GO: FURIA perde para NaVi e é eliminada da DremHack Masters Spring
20:05 Quem é Lincoln "Fnx" Lau? Prodígio do CS e acusado em exposed do esport
18:57 Episódio completo de "De Férias com o Ex" com fnx acontece nesta quinta (6)
11:27 Com MIBR, Sharks e mais, confrontos dos playoffs do CBCS Elite são definidos
18:38 Veja 11 jogadores que optaram por migrar de CS:GO a Valorant

Recomendados

Aim Lab: Como usar para treinar mira no Valorant, CS:GO e outros jogos de tiro
"O time que eu estiver será o melhor" e outras frases marcantes da história do CS
Sete jogadoras para ficar de olho no cenário feminino de CS:GO e Valorant

Descubra guias

Quando a MIBR joga?
Quando a FURIA joga?
CS:GO: Comandos para treinar e como montar sua configuração