Millenium / Artigos e reportagens de games / Valorant /

Valorant First Strike: "Grande perda pro torneio", diz Nyang sobre ausência da Vorax

Valorant First Strike: "Grande perda pro torneio", diz Nyang sobre ausência da Vorax
0

Nyang da Gamelanders comentou sobre a desclassificação da Vorax Fusion do Valorant First Strike e lamentou o acontecido

Valorant First Strike:

A desclassificação da Vorax Fusion no Valorant First Strike Brasil, na última quinta-feira (3), deu o que falar na comunidade nacional. A equipe era considerada uma das mais fortes e badaladas da competição e teve que deixá-la após Leonardo "fzkk" Puertas ter sido diagnosticado com a COVID-19 e Hiago "delevingne" Baldi ter indicação positiva para a presença do vírus no protocolo RT-PCR realizado pela organização do evento à véspera do seu início. Durante a coletiva de imprensa do dia e abertura do presencial, até mesmo os participantes comentaram o assunto.

Um dos participantes que teceu comentários a respeito do tema foi Guilherme "Nyang" Coelho, da Gamelanders, que reconheceu a desclassificação do rivais como "Uma grande perda do torneio". Segundo ele, seria interessante em vários aspectos que o confronto entre as duas melhores equipes do país acontecesse.

"Pela parte competitiva e pela Gamelanders ser top 1 e a Vorax top 2 de todos os ranks que saíram recentemente, até mesmo pelo histórico que nós temos nos campeonatos, confesso que é uma grande perda pro torneio eles não poderem jogar", cravou Nyang. "Mas isso também serve de aprendizado para as organizações de todos os torneios de como podemos tratar a realização de eventos presenciais no meio da pandemia. Eu sei que a Riot faz sempre o melhor possível neste sentido, mas de qualquer forma é uma perda muito grande eles não poderem jogar".

Uma possível solução chegou a ser levantada pela comunidade. Muitos pediram que os infectados jogassem da gaming house, enquanto os que deram negativo no exame fossem até o estúdio disputar as partidas. Inclusive, algo semelhante ocorreu no First Strike japonês quando dois jogadores precisaram jogar de casa pois moravam na Coreia do Sul e não no Japão. Conforme apurou o Valorant Zone, a exceção foi aprovada por lá e a Crazy Raccoon jogou com três integrantes no presencial e dois fora dele, normalmente. No Brasil ocorreu diferente pois a Riot de cada região tem autonomia para fazer o que achar melhor nos torneios locais.

Com a Vorax fora da jogada, a Gamelanders tornou-se a franca favorita ao título do First Strike Brasil. Ainda assim, Nyang ainda prega respeito aos demais adversários e deixa claro que tudo pode acontecer ainda.

"Eu não considero que o caminho ficou mais fácil para nós. Claro que seria muito interessante jogar o top 1 vs top 2 na final do maior campeonato do ano, mas eu acredito que todos do top 8 das equipes que estão aqui são totalmente qualificadas para ganhá-lo também. Então, independentemente de quem enfrentarmos, tenho certeza de que será um jogo absurdo, além de um espetáculo para quem estiver assistindo."

O treinador da INGAMING Vinícius "FLUYR" Menegatti também abordou o assunto e disse que, antes da desclassificação, apostava na Vorax como a maior favorita ao título pois "eles estão com um jogo muito moderno e os meninos conseguiram se encontrar muito bem em rotação e funções individuais como jogador/utilização de agentes".

"No começo todos queriam o presencial, mas com o que a gente vive atualmente no mundo não tem como controlar. Ninguém tem o controle de quem está infectado ou não", lembrou FLUYR. "Infelizmente acabou que a Vorax perdeu esta oportunidade de ouro deles depois de tanto trabalho. Repito que pra mim era uma equipe favoritíssima para esta competição e agora o que resta é manter a cabeça erguida e continuar trabalhando pois eles terão muitas oportunidades ainda".

Foto: Riot Games Brasil - Valorant
Foto: Riot Games Brasil

O próximo adversário da Gamelanders, pela semifinal do Valorant First Strike Brasil, é o vencedor do duelo entre B4 e Nimo One. Ele começou na quinta-feira (3) a noite, mas por problemas técnicos, precisará ser terminado nesta sexta-feira (4), a partir das 17h, já com 1 a 0 a favor da B4.

Quando perguntado sobre quem preferia enfrentar, Nyang deu a entender que um duelo contra uma destas duas equipes seria um pouco diferente da outra.

"Nós não temos nenhum adversário preferido que almejamos enfrentar especificamente. Mas nós temos uma amizade um pouco maior com o pessoal da Nimo One, então um jogo contra eles seria mais amigável e divertido no geral. Sobre apostar em um dos dois, é difícil prever pois o Valorant é um jogo imprevisível, principalmente pelos poucos rounds que tem, então tudo pode mudar de maneira bem rápida. Mas considero que as mudanças que a Team One fez na line-up podem surpreender a B4."

Se você quer saber quem levará a melhor e quais serão os confrontos deste sábado, fique ligado na Twitch oficial do Valorant:

esports-valorant

Guia Valorant First Strike: Escalações, calendário, link de transmissão e mais

Gamelanders, Vorax Fusion, paiN Gaming, B4 eSports, Havan Liberty, Imperial, INGAMING e Nimo oNe estão na disputa do First Strike brasileiro - confira nesta matéria as escalações, calendário, link de transmissão e mais para ficar de olho na competição

esports-valorant

Gamelanders vence INGAMING e vai à semifinal do Valorant First Strike Brasil

A Gamelanders é a primeira semifinalista do Valorant First Strike Brasil

0

Mais Reportagens

12:53 Valorant: Gamelanders, FURIA, Vikings e Sharks avançam ao VCT Challengers Finals
10:00 Streamer de nível Radiante é banido ao vivo de Valorant pelo Riot Vanguard
19:34 Organização britânica anuncia line-up feminina brasileira de Valorant
17:22 Aim Lab: Como usar para treinar mira no Valorant, CS:GO e outros jogos de tiro
12:21 Valorant: Atualização 2.07 traz buff em Astra e mudanças em Viper e Raze
12:00 Valorant: Sentinels negocia com Cloud9 extensão do empréstimo de TenZ
14:00 Valkyrae e CouRageJD se tornam coproprietários da 100 Thieves
18:01 Valorant: Bug permite que jogadores ativem câmera de Cypher no ar
19:54 Qual é o futuro das loot boxes no Brasil?
11:44 Com INTZ, Gamelanders e mais, participantes do Girl Pwr Valorant são definidos

Recomendados

Aim Lab: Como usar para treinar mira no Valorant, CS:GO e outros jogos de tiro
Por que Valorant conquistou jogadores de diversas comunidades diferentes

Descubra guias

Aim Lab: Como usar para treinar mira no Valorant, CS:GO e outros jogos de tiro
4 jogos viciantes que os pro players usam para treinar
Tudo sobre elos e o sistema de partidas ranqueadas