Millenium / Artigos e reportagens de games / VALORANT /

VCT Ascension: The Guard vence Grande Final e jogará os torneios da franquia americana em 2024 e 2025

VCT Ascension: The Guard vence Grande Final e jogará os torneios da franquia americana em 2024 e 2025
0

Equipe conquista a sexta vaga norte-americana das franquias

VCT Ascension: The Guard vence Grande Final e jogará os torneios da franquia americana em 2024 e 2025

O VALORANT Champions Tour: Ascension se encerrou neste domingo (09), marcando a The Guard como a próxima equipe que integrará a franquia das Américas do FPS entre as temporadas de 2024 e 2025. A equipe norte-americana venceu a série por 3x1 no Pavilhão Pacaembu e se tornou a 11ª participante do VCT Américas, ao lado das equipes LOUD, Cloud9, NRG, Leviatán, FURIA, Evil Geniuses, Sentinels, 100 Thieves, MIBR e KRÜ Esports.

As equipes já haviam disputado o título do VALORANT Challengers 2023: North America — torneio que consagrou a M80 como campeã do torneio norte-americano por 3 mapas a 1. Com ambos os times qualificados para o Ascension, a busca por mais uma vaga para a América do Norte estavam nas mãos das organizações, que chegaram a mais uma final juntas.

A sexta vaga para as franquias americanas já estava destinada para uma equipe da América do Norte após a M80 derrotar a brasileira The Union no último sábado (8). Confira, a seguir, como foi a Grande Final:

Line-ups

The Guard

Jacob "valyn" Batio

Michael "neT" Bernet

Jonah "JonahP" Pulice

Trent "trent" Cairns

Ian "tex" Botsch

M80

Daniel "eeiu" Vucenovic

Mohamed "johnqt" Amine Ouarid

GianFranco "koalanoob" Potestio

Marc-Andre "NiSMO" Tayar

Alexander "Zander" Dituri

A série

Mapa 1 — Ascent

A The Guard começou atacando em seu mapa de escolha e, apesar da agressividade inicial, o game ficou equilibrado rapidamente. A gameplay focada em controle e retake da M80 começou a fazer efeito, forçando a The Guard a jogar de uma forma mais lenta. Com a virada de lados, o jogo ficou ainda mais difícil para a equipe que estava buscando a revanche da final do torneio norte-americano, mas a The Guard conseguiu revidar quando o game parecia perdido e igualou o placar em 11x11.

Mas a M80 enfim conseguiu um ataque mais coordenado graças ao combo de habilidades do Omen de Zander e venceu o primeiro mapa por 13x11.

Mapa 2 — Haven

A The Guard começou o mapa de escolha rival forçando a M80 a jogar com uma defesa mais agressiva para dificultar suas entradas no bombsite, mas a composição da equipe de tex tinha recursos o suficiente para fazer um avanço tardio de fácil retake. Foi dessa forma que a organização abriu 5 rounds consecutivos e forçou a M80 a pedir as duas pausas táticas logo no início.

A equipe de neT disparou com 11 rounds ganhos, enquanto a M80 havia conquistado somente três rounds até a pausa técnica da segunda metade. Por mais que a longa pausa pudesse ter renovado as energias da M80, a The Guard voltou com a mesma força atacante e venceu o segundo mapa por 13x3.

Mapa 3 — Bind

Já no mapa Bind, a M80 teve certas dificuldades em conseguir vantagem na sua metade atacante, precisando sempre "confundir" a defesa rival para conseguir um bom plant de spike — a equipe. porém, conseguiu se recuperar em certo nível e venceu a primeira metade por 8x4. Com a virada, a The Guard empatou o game e parecia estar com um jogo mais controlado, mas a M80 logo alcançou o décimo ponto — que culminou em uma pausa tática do time de JonahP. Em um vai-não-vai, o terceiro mapa da série contou com a primeira prorrogação, mas a The Guard conseguiu sua segunda vitória após um round disputadíssimo.

Mapa 4 — Pearl

O segundo mapa de escolha da M80 começou de forma dramática: com uma longa pausa técnica devido a problemas de internet na região do Pacaembu, o game começou de forma tardia. As equipes, porém, pareceram inabaláveis — o último game teve uma primeira metade bem equilibrada, mas a The Guard conseguiu vencer o game por 13x9 e conquistou a vaga para as duas próximas temporadas da franquia americana.

LoL: O sistema de ativação dos feitiços de invocador é ultrapassado? Jogador opina que sim

O fato de que os feitiços de invocador são desbloqueados gradualmente vem irritando os jogadores

VALORANT: Riot lança campanha #AgoraNasaVeio com Caue Moura, Nuuh e mais

Caue Moura analisará jogadas da comunidade de VALORANT em quadro publicado toda quinta-feira

Revolta lança programa de entrevistas com personalidades do cenário de League of Legends

O MGG Brasil foi convidado para a pré-estreia do programa, na quinta-feira (6), ocasião na qual o primeiro episódio foi exibido para convidados e jornalistas.

0
Maria Eduarda Cury
Maria Eduarda Cury  - Redatora

Jornalista, apaixonada pelo estudo da cultura digital, jogos competitivos e filmes de terror. 

Mais Reportagens

14:53 Documentário Jogando por Todos: Uma História Team Liquid será exibido no cinema
15:45 MIBR apresenta nova coleção em comemoração aos 20 anos de organização
17:31 "Sempre foi um sonho nosso voltar com um parceiro": Diretora de marketing da paiN Gaming fala sobre parceria com JBL e retorno à BGS
13:31 MEG 2023 divulga detalhes sobre final de cada modalidade
15:51 VALORANT: Riot Games revela mudanças para a próxima temporada do VCT Challengers
10:24 Prêmio eSports Brasil divulga lista de indicados de cada categoria
15:06 VALORANT: Confira detalhes e habilidades sobre Iso, novo duelista do FPS
15:26 Live de indicados do Prêmio Esports Brasil acontece nesta quinta-feira (19)
12:03 MIBR anuncia mudanças no elenco de VALORANT
16:43 Prêmio Esports Brasil apresenta o superjúri da sua sétima edição

Recomendados

Mudando de vida: como Free Fire e LoL trouxeram novas perspectivas para a favela
PogChamp, LUL, Kappa: O significado e origem dos memes dos esports

Descubra guias

4 jogos viciantes que os pro players usam para treinar
Valorant: Tier list dos melhores agentes
Aim Lab: Como usar para treinar mira no Valorant, CS:GO e outros jogos de tiro