Millenium / Guias de games / Assassin's Creed Valhalla /

Guia Assassin's Creed Valhalla: Tudo que você precisa saber sobre o jogo

Guia Assassin's Creed Valhalla: Tudo que você precisa saber sobre o jogo
0

Game da Ubisoft se passa durante a Era dos Vinkings e mistura eventos históricos reais com ficção

Guia Assassin's Creed Valhalla: Tudo que você precisa saber sobre o jogo

Lançado mundialmente em 10 de novembro, Assassin's Creed Valhalla é o mais recente título da clássica série da Ubisoft. Ambientado na era Viking, o jogo representa uma evolução natural no estilo de RPG de ação presente em Assassins's Creed Origins e Odyssey, com algumas mudanças pontuais, mas sem grandes revoluções na fórmula adotada para a série desde 2017.

O MGG Brasil preparou um guia respondendo às principais perguntas de quem está ansioso para conferir o que há de novo no game, mas não o comprou no lançamento ou ainda está aguardando por uma promoção no futuro.

Assassin's Creed Valhalla é baseado em uma história real?

Sim, mas com uma série de ressalvas bastante necessárias. Embora o jogo, a exemplo de todos os demais títulos da série, seja ambientado em um período histórico que de fato existiu, neste caso a invasão do Grande Exército Pagão da Escandinávia à Inglaterra no fim do século 19, a maioria dos personagens do game, incluindo o/a protagonista Eivor foram criados para o game, assim como vários dos eventos da trama.

Isso significa que ainda que o contexto da invasão da Inglaterra pelos vikings narrada no jogo tenha de fato existido e sirva muito bem à ambientação, inclusive com a participação de personagens reais na história, como o Rei Alfredo, de Wessex, não é recomendável tomar tudo que acontece na campanha como verdade.

Além disso, Assassin's Creed Valhalla tem uma série de elementos de fantasia inseridos em sua trama, o que obviamente deve entendido como mera liberdade poética.

No próprio site da Ubisoft, o historiador Thierry Noel, que serviu de consultor para o jogo, destaca que a trama é situada no período conhecido como na historiografia como Idade das Trevas, que recebeu este nome justamente devido à pouca documentação histórica disponível do período.

Ou seja, ainda que o jogo seja uma boa porta de entrada para quem se interessar em estudar a época mais a fundo, pouco do que acontece ali serve como fonte histórica. Mais precisamente, Assassin's Creed Valhalla é uma obra de ficção e fantasia a partir de um período histórico real.

Qual a história de Assassin's Creed Valhalla?

A história do jogo começa no ano de 873, na Noruega. Com o país assolado pela guerra e superlotação de seu território, o jogador assume o controle de Eivor, que junto de seu irmão adotivo Sigurd recebe a missão de liderar seu clã rumo aos territórios da Grã-Bretanha, como parte do plano de expansão dos domínios Vikings pela Europa.

Na trama, Eivor e suas tropas entram em conflito com os reinos de Wessex, Nortúmbria, Anglia Oriental e Mercia ao longo dos anos seguintes, enfrentando tropas lideradas por figuras históricas, como o Rei Alfredo, de Wessex.

Ao longo da campanha, Eivor se depara com um grupo conhecido como Os Ocultos, precursores da Ordem dos Assassinos, dos primeiros Assassin's Creed, e junta-se a eles na luta contra a Ordem dos Antigos, e é neste ponto que o jogo se conecta com os demais títulos da série.

Eivor comanda as tropas Vikings em Assassin's Creed Valhalla (Foto: Ubisoft) - Assassin's Creed Valhalla
Eivor comanda as tropas Vikings em Assassin's Creed Valhalla (Foto: Ubisoft)

Os Assassinos estarão presentes em Assassin's Creed Valhalla?

Conforme respondido no tópico anterior, sim, mas não com o mesmo nome. Assim como em Assassin's Creed Origins, a Ordem dos Assassinos aqui é conhecida por outro nome em Valhalla: Os Ocultos. Os objetivos, no entanto, são bastante similares, e no novo jogo da série o grande inimigo do grupo é a Ordem dos Antigos.

Assassin's Creed Valhalla é um Odyssey 2.0?

Não, embora o novo título tenha várias semelhanças tanto com Assassin's Creed Odyssey quanto com Origins. Assim como os dois títulos anteriores da série, Valhalla é um RPG de ação em mundo aberto gigantesco e repleto de missões paralelas à trama principal, mas o jogo também traz mudanças que o diferenciam de seus predecessores.

A principal mudança está na estrutura das missões paralelas, que aqui dão lugar aos eventos de mundo. Esses eventos podem se desdobrar em missões com vários objetivos menores, batalhas campais ou descoberta de locais com tesouros. De modo geral, a Ubisoft ouviu as críticas referentes à repetitividade das missões secundárias de Odyssey e criou uma estrutura de side quests mais dinâmica para o jogador.

Em termos de gameplay, porém, Valhalla representa mais uma continuidade do que já foi visto em Origins e Odyssey, o que significa que quem gostou dos títulos anteriores pode embarcar tranquilo na nova aventura. No entanto, se você faz parte do grupo que não gosta dos games mais recentes da série, dificilmente Odyssey vai te convencer a dar uma nova chance para a franquia.

Assassin's Creed Valhalla tem mundo aberto gigantesco para o jogador explorar (Foto: Ubisoft) - Assassin's Creed Valhalla
Assassin's Creed Valhalla tem mundo aberto gigantesco para o jogador explorar (Foto: Ubisoft)

Assassin's Creed Valhalla é como um game da série Vikings?

Em alguns aspectos, sim. Toda a parte da guerra dos Vikings contra os anglo-saxões está presente tanto no game quanto na série. Na parte de gameplay, o jogo coloca o jogador em batalhas campais marcadas pela brutalidade e sanguinolência, ainda que numa escala mais suave que a série do History.

Outra semelhança está nos aspectos místicos e metafísicos presentes em AC Valhalla e em Vikings, ainda que com abordagens bem distintas entre si.

No entanto, a história de Assassin's Creed Valhalla é bastante diferente da apresentada em Vikings, principalmente em relação aos personagens apresentados na trama e, também, pela maior liberdade poética no que diz respeito aos eventos históricos daquele período.

Ou seja, se você é um entusiasta de história, a série Civilization ainda é o que temos de mais fiel no mundo dos games.

Você pode jogar com uma mulher em Assassin's Creed Valhalla?

Essa certamente é a pergunta com resposta mais fácil de toda a lista. Sim, desde o início da campanha o jogador pode escolher o sexo de Eivor. E, diferentemente do que ocorre em Assassin's Creed Odyssey, no qual a opção por Alexios ou Kassandra trazia diferenças na história, em Valhalla a campanha é rigorosamente igual independentemente do gênero do personagem.

Pela segunda vez, um game da série principal de Assassin's Creed pode ser jogado do início ao fim com uma mulher (Foto: Ubisoft) - Assassin's Creed Valhalla
Pela segunda vez, um game da série principal de Assassin's Creed pode ser jogado do início ao fim com uma mulher (Foto: Ubisoft)

Além disso, o gênero de Eivor pode ser mudado a qualquer momento ao longo da campanha, e os relacionamentos do/da protagonista não são afetados sob nenhum aspecto em função disso, apenas pelas escolhas do próprio jogador.

Onde Assassin's Creed Valhalla se passa?

Conforme já respondido em tópicos anteriores, Assassin's Creed Valhalla é ambientado na Noruega e na Grã-Bretanha, e segue a história de Eivor no comando de tropas Vikings durante a expansão do grupo rumo aos reinos anglo-saxões.

Assassin's Creed Valhalla é um RPG?

Sim. A exemplo de Origins e Odyssey, Assassin's Creed Valhalla é um RPG de ação em um mundo aberto, sendo assim o terceiro jogo da série com essa proposta desde que a Ubisoft deixou de adotar o estilo de ação e aventura furtivo presente nos games clássicos da franquia.

Na prática, isso significa que você evolui seu personagem, desbloqueia e descobre melhores equipamentos ao longo da campanha, vê os status de seu personagem subirem conforme completa missões e vence combates e, obviamente, precisa ter cautela ao aceitar missões ou entrar em batalhas contra inimigos de nível mais alto.

0

Mais Reportagens

12:28 Microsoft quer comprar Discord por mais de US$ 10 bilhões, diz site
08:00 Saiba como usar a árvore de habilidades e níveis de poder em Assassin's Creed Valhalla
13:14 Guia do iniciante em Assassin's Creed Valhalla
17:34 Mapa interativo de Assassin's Creed Valhalla mostra a localização de itens e missões
20:21 Guia Assassin's Creed Valhalla: Tudo que você precisa saber sobre o jogo

Recomendados

Qual é o futuro das loot boxes no Brasil?
Afrogames e a luta coletiva de jovens negros por mais oportunidades nos games
Exposed nos esports: como denunciar e agir diante de casos de violência sexual

Descubra guias

Saiba como usar a árvore de habilidades e níveis de poder em Assassin's Creed Valhalla
Mapa interativo de Assassin's Creed Valhalla mostra a localização de itens e missões
Guia do iniciante em Assassin's Creed Valhalla